header top bar

section content

Ponte cai: Santa Cruz e São Francisco isoladas

A ponte Boi Morto, que liga os municípios de Aparecida a Santa Cruz, São Pedro e São Francisco, no Sertão, rompeu ontem à tarde, deixando os moradores dessas cidades isolados. Além disso, uma outra ponte, na BR-230, na mesma cidade, ficou parcialmente interditada durante cerca de duas horas. Já a ponte que liga as cidades […]

Por

04/04/2008 às 15h23

A ponte Boi Morto, que liga os municípios de Aparecida a Santa Cruz, São Pedro e São Francisco, no Sertão, rompeu ontem à tarde, deixando os moradores dessas cidades isolados. Além disso, uma outra ponte, na BR-230, na mesma cidade, ficou parcialmente interditada durante cerca de duas horas. Já a ponte que liga as cidades de Santa Rita e Espírito Santo teve que ser interditada à noite pelo Departamento de Estradas e Rodagens (DER).

Segundo a assessoria de comunicação da Polícia Rodoviária Federal (PRF), a ponte da BR-23, em Aparecida, precisou ser interditada porque apresentava buracos em sua estrutura, o que poderia causar o seu rompimento. Porém, fiscais do Departamento Nacional de Infra-estrutura de Transportes (Dnit) estiveram no local para avaliar as condições da ponte e, depois de constatar que não havia risco, ela foi liberada.

De acordo com a moradora Maria de Oliveira, a situação no local é preocupante já que três municípios e mais o sítio Boi Morto ficaram isolados. Conforme ela as pessoas que querem chegar a essas localidades precisam ir por Cajazeiras.

Sousa faz campanha para desabrigados

A prefeitura de Sousa, Sertão paraibano, lançou, ontem, uma campanha de arrecadação de donativos para ajudar aos mais de quatro mil desabrigados no município. As pessoas que quiserem doar alimentos não perecíveis, agasalhos e colchões podem procurar o 15º Batalhão de Infantaria, na Avenida Cruz das Armas, em João Pessoa. O prefeito Salomão Gadelha também oficializou um pedido de cestas básicas ao Governo Federal para ajudar as famílias atingidas.

“A situação aqui ainda é preocupante, quando a chuva começou nós tínhamos três desabrigados e agora já são mais de quatro mil sem contar que a cada hora esse número aumenta, disse o prefeito.

Gadelha informou que o Governo Estadual enviou 600 cestas básicas para o município o que, segundo ele, não dá para um dia. “Até agora toda a assistência tem sido prestada pela prefeitura e agora estamos contando com a colaboração de todos”, afirmou.

Hoje, 7.500 pessoas estarão recebendo medicamentos básicos, enviados pelo Ministério da Saúde, que deverão durar um mês. Os remédios, de acordo com o prefeito, irão garantir a prevenção de doenças já que parte da cidade permanece alagada.

FONTE: JORNAL DA PARAÍBA

Tags:
ESPERANÇA

VÍDEO: Teste com novo medicamento já aprovado pela Anvisa elimina câncer em 100% dos casos

DESINIBIDO

VÍDEO: Prefeito de Cachoeira dos Índios sobe ao palco e canta para multidão no ‘Festeja Cachoeira’

VÍDEO NAS REDES

VÍDEO: Cantor Zé Felipe se desculpa por atraso em show no Sertão da Paraíba e detona prefeito

SORTUDA

VÍDEO: Moradora de Brejo do Cruz é sorteada no Bilhete Doação da Sorte; veja se você ganhou mil reais

Recomendado pelo Google: