header top bar

section content

Chuvas fortes causam transtornos na cidade de Uiraúna

O inverno de 2008 não havia chegado ainda com força em Uiraúna. Isso mudou com a forte chuva caída na noite de sábado,29. O pluviômetro de Manú Vieira marcou 96 milímetros, sendo a maior chuva do ano até agora. No centro da cidade, no mercado central, uma parte do teto de um dos prédios desabou. […]

Por

01/04/2008 às 00h07

/O inverno de 2008 não havia chegado ainda com força em Uiraúna. Isso mudou com a forte chuva caída na noite de sábado,29. O pluviômetro de Manú Vieira marcou 96 milímetros, sendo a maior chuva do ano até agora.

No centro da cidade, no mercado central, uma parte do teto de um dos prédios desabou. A loja pertence a Marcos Pinheiro (Pinheiro Variedades). O teto desabou durante a chuva; o comerciante falou que pode ter sido conseqüência de infiltração de água. Na manhã de hoje ele estava fazendo a retirada das mercadorias.

Com essa chuva o açude velho, que sangra na ponte do canal São José, começou a sangrar. O açude Arrojado continua tomando água, mas ainda faltam quase dois metros para encher.

Na região de Areias as notícias dão conta de que choveu pouco mais de 40 milímetros. Já em São João do Rio do Peixe choveu na noite de ontem mais 180 milímetros.

Fonte: Cofemac

Tags:
ESTÁ NA CAPITAL DESDE 2015

EXCLUSIVO: Após três anos, lendário padre de Cajazeiras revela o que motivou sua ida para João Pessoa

AMOR E FÉ

ESPECIAL DE FÉRIAS: Crianças e adolescentes de Cajazeiras e Sousa abrilhantam programa na TV Diário

AUXILIAR DO TROVÃO

VÍDEO: Agora no Atlético-PB, ex-jogador do Corinthians está confiante em vaga no Brasileirão da Série D

SAÚDE & BEM-ESTAR

VÍDEO: Médico alerta para consequências do uso excessivo de alguns medicamentos no aparelho digestivo