header top bar

section content

Arnaldo Lima: 25 anos de narração esportiva

Dinâmico e extrovertido, assim é a narração de Arnaldo Lima, hoje no comando da equipe de esporte da Rádio Alto Piranhas. Com maestria e competência de um exemplar profissional, há 25 anos ele se destaca como um dos melhores narradores esportivos do Nordeste. José Arnaldo Lima, 53 anos, começou a sua carreira como forrozeiro. Com […]

Por

22/01/2008 às 21h25

Dinâmico e extrovertido, assim é a narração de Arnaldo Lima, hoje no comando da equipe de esporte da Rádio Alto Piranhas. Com maestria e competência de um exemplar profissional, há 25 anos ele se destaca como um dos melhores narradores esportivos do Nordeste.

José Arnaldo Lima, 53 anos, começou a sua carreira como forrozeiro. Com o chocalho na mão, apresentava os programas Bom Dia Nordeste e Forró do Varandão, na Difusora Rádio Cajazeiras, na época ainda sob o controle de Mozart de Sousa Assis. Naquele tempo, Arnaldo ainda tinha a missão de programar toda a parte musical da emissora.

Depois de seis anos na DRC, ele mudou de prefixo para a Rádio Alto Piranhas, que na época era comandada pela Diocese e tinha como gerente Zeilton Trajano. Na RAP, Arnaldo iniciou sua carreira como narrador esportivo atendendo pedido especial do gerente.

Arnaldo, na época temeroso com o que estava fazendo, não sabia que um ano depois se tornaria um dos melhores narradores nordestinos. Alegre e com narração diferente para a época, ele se destacava e conseguia ser o mais ouvido da cidade e da região.

Bino, como é chamado carinhosamente pelos seus amigos, nos seus 33 anos de rádio, começou em Cajazeiras sua história, mas leva em seu currículo a experiência de ter passado pelas rádios Difusora, Oeste da Paraíba e Alto Piranhas, todas de Cajazeiras, e também o Jornal AM, de Sousa, Sanhauá AM, de João Pessoa, Independência, de Catolé do Rocha, e Rural, de Petrolina.

Seu amor por Cajazeiras fez com que ele não esquecesse a terrinha e voltou para os braços de sua cidade. Hoje, Arnaldo, com sua Garganta de Aço, como muitos os chamam, está na Rádio Alto Piranhas, e quando sai a vinheta colocada pelo controlista, é normal ouvir o eco no estádio Perpetão: “estou aqui fazendo aquilo que gosto que é o futebol”.

Parabéns, Arnaldo Lima, pelos seus 25 anos como grande narrador esportivo nordestino. É o que o DIÁRIO DO SERTÃO expressa para todo o mundo conectado na rede mundial de computadores.

Da Redação do Diário do Sertão

Tags:
NOVO DESAFIO

VÍDEO: Jornalista Heron Cid anuncia que vai se afastar das atividades para disputar as Eleições 2022

DRACO

VÍDEO: Mulher é presa em Pombal por tráfico de drogas e comercialização de armas a mando do companheiro

A CASA CAIU

VÍDEO: Foragido da Justiça de São Paulo com pena de 8 anos de prisão, é preso na cidade de Pombal

"PONTO FACULTATIVO"

VÍDEO: Mesmo sem ser feriado, comércio de Sousa fica ‘deserto’ no São Pedro e causa estranheza

Recomendado pelo Google: