header top bar

section content

LUTO! Cidade paraibana decreta luto e emociona as redes sociais após morte de três dos seus conterrâneos

Nas redes sociais, amigos e familiares prestaram suas últimas homenagens e deixaram mensagens emocionantes sobre as vítimas.

Por Campelo Sousa

21/05/2018 às 15h46 • atualizado em 21/05/2018 às 15h54

Jarbas Anderson e Elaine foram as vítimas fatais desse trágico acidente (Foto: Arquivo Pessoal)

A cidade de Cabaceiras, na região de Campina Grande está de luto, após perder três de seus conterrâneos em uma grave acidente na divisa da Paraíba com o Pernambuco.

Conhecida como a ‘Roliude Nordestina’, e cenário da minissérie global, Onde nascem os fortes, Cabaceiras vive momentos dolorosos nesta segunda-feira (21).

O grave acidente ceifou a vida de três cabaceirenses: Jarbas Pombo de Sousa de 44 anos,  Anderson Felipe Gonçalves de Lima de 22 anos e Elaine Queiroz Aquino. Eles estavam indo para a cidade de Santa Cruz do Capibaribe, no Pernambuco, onde fariam compras para revender, mas acabaram sendo surpreendidos por outro veículo que seguia na direção contrária na pista, e colidiu violentamente contra eles. Os três morreram no local, e uma quarta pessoa, identificada como Maria Isabel Gonçalves Aquino Cordeiro, ficou ferida, sendo socorrida para o Hospital de Emergência e Trauma de Caruru.

+ LAMENTÁVEL: três comerciantes paraibanos morrem em grave acidente no vizinho estado do Pernambuco

Nas redes sociais, amigos e familiares prestaram suas últimas homenagens e deixaram mensagens emocionantes sobre as vítimas.

Amigos lamentaram a morte prematura das vítimas

Amigos lamentaram a morte prematura das vítimas

PORTAL DIÁRIO

AÇÃO CRIMINOSA

VÍDEO: bandidos fortemente armados explodem duas agências bancárias na cidade de Nazarezinho

DISSEMINAÇÃO

VÍDEO: Cajazeiras registra mais 12 casos de Covid-19 e chega a 75; média é de 2 casos por dia

REFORÇO NO SERTÃO

VÍDEO: Secretário de Saúde fala sobre novos leitos de UTI com respiradores para Patos e Cajazeiras

SEM ESTRADA

VÍDEO: Ambulância do SAMU fica atolada quando socorria idosa de 108 anos em São João do Rio do Peixe

Recomendado pelo Google:
error: Alerta: Conteudo Protegido !!