header top bar

section content

População reclama das longas filas e falta de estrutura nos bancos de Cajazeiras

No BB a situação se agravou em decorrência da grande demanda que recebeu, no caso, os funcionários estaduais

Por

12/01/2010 às 15h36

align=leftAs longas filas nos caixas, atendimentos, e terminais eletrônicos nas agências bancárias da cidade de Cajazeiras parece ser um problema sem solução, e recentemente o PROCON e o Ministério Público promoveram fiscalização e multas aplicadas, o que não resolveu o problema, só agravou, mesmo com a lei municipal que estabelece um prazo de 20 minutos nas filas, mas o que se vê nas agências locais, são horas intermináveis de espera. 

Pagamento do Funcionalismo Público
No Banco do Brasil a situação se agravou em decorrência da grande demanda que recebeu, no caso, os funcionários estaduais, que passaram a ter os seus pagamentos depositados em contas bancárias da instituição. Nos dias de pagamento, como ocorreu em dezembro, que além dos vencimentos também foi pago o 13º salário, fica praticamente inviável para correntistas movimentarem suas contas ou realizarem outros serviços. Além do pagamento dos funcionários estaduais há também os aposentados que sacam os seus vencimentos nas agências bancárias. 

Caixa Econômica
A Caixa Econômica Federal oferece diversos serviços à população, e pode-se afirmar que esta é a agência mais movimentada de Cajazeiras, pois ela fornece o pagamento do FGTS dos cortadores de cana que vem de São Paulo, o pagamento dos programas assistenciais do governo federal. A compra da casa própria é um serviço que muitas pessoas reclamam, pois não existe sequer uma senha para esse atendimento, e quem já procurou a instituição interessada em comprar uma casa, voltou decepcionado, com a falta de atenção, de assistência e até de informações. 

Denúncia
O presidente do Sindicato dos Bancários de Cajazeiras, Nelson Soares tem denunciado constantemente essa situação ao Ministério Público Estadual, Federal e do trabalho, bem como, ao Procon. Ele atribuiu essa situação a falta de investimentos dos bancos, principalmente na contratação de pessoal, já que o número de bancários é pequeno para atender a grande demanda de usuários e de serviços, que precisam ser executados. 

Da redação do Diário do Sertão
Com informações do Gazeta do Alto Piranhas

Tags:
PROBLEMA GRAVE

VÍDEO: No Xeque-Mate, voluntários debatem sobre maus tratos e abandono de animais em Cajazeiras

SANTO PADROEIRO

VÍDEO: Padre anuncia programação da festa de Dom Bosco em Cajazeiras; festival de música é confirmado

FÓRUM AÇUDE GRANDE

VÍDEO: Grupo entrega documento no MP para fortalecer campanha de revitalização do açude de Cajazeiras

"FICOU DESPREZADA"

VÍDEO: Mulher acusa HRC de negligência no caso da morte de sua irmã após parto; hospital responde