header top bar

section content

Vereadora Léa Silva se afasta por 30 dias da Câmara Municipal de Cajazeiras

Depois trágica da morte prematura de seu filho acontecido no último mês de junho, véspera do recesso parlamentar, a vereador democrata Léa Silva, encaminhou ofício a Câmara Municipal de Cajazeiras solicitando uma licença de 30 dias para tratamento de saúde. O ofício foi enviado ao Poder Legislativo acompanhado do Atestado assinado pelo médico da vereadora.  […]

Por

13/08/2009 às 14h21

Depois trágica da morte prematura de seu filho acontecido no último mês de junho, véspera do recesso parlamentar, a vereador democrata Léa Silva, encaminhou ofício a Câmara Municipal de Cajazeiras solicitando uma licença de 30 dias para tratamento de saúde.
O ofício foi enviado ao Poder Legislativo acompanhado do Atestado assinado pelo médico da vereadora. 

A vereadora oposicionista tem como característica a forma de atuação marcante, e a Casa Otacílio Jurema ficará por mais um mês sem a participação da parlamentar mirim. 

A licença da vereadora Lea Silva, não abre vaga para o primeiro suplente de vereador da Coligação, tendo em vista que pela legislação, o parlamentar tem o direito de se licenciar por um período de 120 dias, sem que o suplente assuma, só abrindo vacância no cargo, a partir de 121 dias. 

Da Redação do Diário do Sertão
Com PB Notícia.

Tags:
É DO SERTÃO!

Cantores mirins do Vale do Piancó estão fazendo sucesso e bombando em vários estados brasileiros

PROBLEMA GRAVE

VÍDEO: No Xeque-Mate, voluntários debatem sobre maus tratos e abandono de animais em Cajazeiras

SANTO PADROEIRO

VÍDEO: Padre anuncia programação da festa de Dom Bosco em Cajazeiras; festival de música é confirmado

FÓRUM AÇUDE GRANDE

VÍDEO: Grupo entrega documento no MP para fortalecer campanha de revitalização do açude de Cajazeiras