header top bar

section content

Descobertas novas pegadas de Dinossauros no Vale do Rio do Peixe

As margens da rodovia que dá acesso a cidade de Santa Helena, Sertão da Paraíba, o bancário aposentado Luiz Carlos da Silva Gomes encontrou um rastro gravado na rocha sedimentar que a princípio pode-se dizer que se trate de dinossauro terópode bípede e carnívoro. Mas ele que há vários anos busca rastros de dinossauros ficou […]

Por

29/07/2009 às 17h48

As margens da rodovia que dá acesso a cidade de Santa Helena, Sertão da Paraíba, o bancário aposentado Luiz Carlos da Silva Gomes encontrou um rastro gravado na rocha sedimentar que a princípio pode-se dizer que se trate de dinossauro terópode bípede e carnívoro.

Mas ele que há vários anos busca rastros de dinossauros ficou intrigado com o formato da nova pegada que apresenta características diferentes das outras encontradas anteriormente.

Foi então que resolveu enviar fotografia da nova pegada para um paleontólogo de São Carlos (SP) que atestou que realmente se trata de uma pegada, mas adiantou que “pelo formato poderia ser de pterossauro”.

Caso venha a se confirmar que seja mesmo rastro de pterossauro, é o primeiro dessa espécie a ser encontrado no Brasil.

O pterossauro era um réptil voador que vivia junto com os dinossauros, mas não era um destes. Algumas espécies chegavam a medir oito metros de uma ponta a outra da asa. Fósseis de pterossauro já foram encontrados na Chapada do Araripe, no vizinho Estado do Ceará.

Fonte Folhadosertao
com informações e fotos Luiz Carlos

Tags:

Recomendado para você pelo google

BOMBA

VÍDEO: Jornalista cajazeirense mira nos ‘Bocas Loucas’ da política paraibana

ESPECIAL DE PÁSCOA

VÍDEO: TVDS exibe programa ‘Mensagem de Fé com Frei João Batista’ em especial de Semana Santa

FÉ E DEVOÇÃO

Sexta-feira Santa em Cajazeiras é marcada por várias celebrações religiosas e grande número de fiéis

SAÚDE

VÍDEO: Xeque Mate fala sobre a obesidade e médica endocrinologista tira dúvidas sobre a doença; Veja!