header top bar

section content

Procuradoria define comissão que investigará caso do Promotor de Cajazeiras

As portarias deverão ser publicadas no Diário da Justiça desta quarta-feira (16) e dizem respeito à decisão tomada pelo Conselho Superior do Ministério Público em reunião extraordinária.

Por

16/06/2009 às 20h46

A comissão que vai investigar o caso que envolve o promotor de Justiça substituto Carlos Guilherme Santos Machado – acusado de praticar crime de lesão corporal contra o cunhado, no último domingo (14) será formada pela procuradora de Justiça Sônia Maria Guedes Alcoforado e pelos promotores de Justiça Francisco de Paula Ferreira Lavor e Romualdo Tadeu de Araújo Dias.

A comissão de investigação foi constituída através da portaria da Procuradoria Geral de Justiça (PGJ) de número 928/09. Já a portaria 932/09 da PGJ determina o afastamento do promotor Carlos Guilherme das funções ministeriais até a conclusão das investigações.

As portarias deverão ser publicadas no Diário da Justiça desta quarta-feira (16) e dizem respeito à decisão tomada pelo Conselho Superior do Ministério Público em reunião extraordinária realizada na tarde de segunda-feira (15).

Fonte:Assessoria

Tags:

Recomendado para você pelo google

ESPERANÇA

VÍDEO: Presidente da OAB declara que luta pela permanência da Vara do Trabalho de Cajazeiras não acabou

ENTREVISTA

VÍDEO EXCLUSIVO: Governador anuncia obras no Sertão, esclarece polêmicas e fala de relação com Ricardo

A VOLTA?

VÍDEO: Nonato Neto participa do Xeque Mate e responde sobre possibilidade do retorno da dupla Os Nonatos

CURRÍCULO DE VITÓRIAS

VÍDEO: Primeiro coach do Vale do Piancó, policial recorda emocionado os obstáculos que superou na vida