header top bar

section content

Secretaria de Cultura de Cajazeiras comemora a Semana da Consciência Negra

A cidade de Cajazeiras também terá um evento para comemorar a Semana da Consciência Negra, período em que manifestações em todo o país lembram a morte do líder da resistência escrava no Brasil, Zumbi dos Palmares. A Secretaria Municipal de Cultura, com apoio de mais três secretarias – Cidadania e Promoção Social, Educação e Governo […]

Por

16/11/2009 às 01h35

A cidade de Cajazeiras também terá um evento para comemorar a Semana da Consciência Negra, período em que manifestações em todo o país lembram a morte do líder da resistência escrava no Brasil, Zumbi dos Palmares. A Secretaria Municipal de Cultura, com apoio de mais três secretarias – Cidadania e Promoção Social, Educação e Governo & Articulação Política – promoverá, do dia 16 ao dia 22 deste mês, a 1ª Kizomba de Cultura Afro-brasileira. A idéia é expressar as manifestações da cultura afro em Cajazeiras e debater sua representatividade na cidade e no país.

Vários grupos de cultos de origem africana da cidade farão parte do evento, além de capoeiras, música, exposições, debates e palestras em torno do papel do negro na nossa história e na atual conjuntura social do país.

Veja a programação:

Segunda-feira (16): 20 horas – Abertura; 20h 30m – Palestra “Os Vultos Negros do Brasil”, com Prof. Francisco das Chagas Amaro, na Câmara de Vereadores.

Terça-feira (17): 20h 30m – Palestra “Civilização Africana e Navios Negreiros”, com Prof. Paccelli Gurgel, na Câmara de Vereadores.

Quarta-feira (18): 20 horas – Palestra “As Manifestações Culturais e a Religiosidade Afro-Brasileira”, com o Babalaô Ifá Wole Aworeni, na Câmara de Vereadores.

Quinta-feira (19): 20 horas – Mesa Redonda “A Atual Conjuntura Político-Social do Povo Negro”, com Profª. Rizomar, Profª Leide, Prof. Francisco das Chagas Amaro, Profª Islania Taisa Viana Filha. Local: Câmara de Vereadores.

Sexta-feira (20): 17 horas – Sessão Especial na Câmara de Vereadores; 19 horas – Kizomba Afro-Brasileira na Praça das Oiticicas, com apresentações culturais, roda de capoeira, shows musicais, exposições de artesanato, comidas de origem afro-brasileira.

Sábado (21): 19 horas – Batizado de capoeira e troca de cordão, na Praça do Leblon; Oficinas: Dança Afro e Estética Afro, no Cajazeiras Tênis Clube, das 08h às 12h e das 14h às 17h.

Principal símbolo da resistência à escravidão no Brasil, Zumbi dos Palmares morreu em 20 de novembro de 1695, em Alagoas. Desde 1970, o dia é celebrado nacionalmente e até em alguns países africanos de língua portuguesa.

Da assessoria

Tags:

Recomendado para você pelo google

ENTREVISTA

Presidenta do Coren diz que enfermeiro pode ter clínica, luta pelo piso salarial e fala sobre concursos

POSSÍVEL CANDIDATO

VÍDEO: Ex-prefeito de Cachoeira dos Índios revela quais os ‘vices dos sonhos’ para sua chapa em 2020

AVENIDA LOTADA

VÍDEO: Show de comunidade católica famosa em todo o Brasil reúne multidão em São José de Piranhas

TERRAS

VÍDEO: Diversidade em Foco fala da Comissão Pastoral da terra e da luta agrária no sertão