header top bar

string(13) "diario-sertao"

section content

Cajazeiras se prepara para a Provinha Brasil

A Secretária de Educação do Município de Cajazeiras, Vanderlúcia Alencar confirmou que alunos da rede municipal de ensino farão a Provinha Brasil, nos próximos 15 dias. Crianças de 07 a 09 farão a provinha Brasil na própria escola. Como o município de Cajazeiras aderiu ao Plano de Ações Articuladas – PAR, umas das ações do […]

Por

10/05/2008 às 14h46

A Secretária de Educação do Município de Cajazeiras, Vanderlúcia Alencar confirmou que alunos da rede municipal de ensino farão a Provinha Brasil, nos próximos 15 dias.

Crianças de 07 a 09 farão a provinha Brasil na própria escola. Como o município de Cajazeiras aderiu ao Plano de Ações Articuladas – PAR, umas das ações do Plano de Desenvolvimento da Educação PDE, realizará em suas turmas ainda no mês de maio avaliado alunos da rede municipal de ensino, objetivando buscar uma radiografia educacional.

De acordo com a secretária de educação básica do Ministério da Educação, Maria do Pilar Lacerda, a Provinha Brasil será estruturada pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep/MEC) e oferecida às escolas, que se encarregarão de aplicá-la. Pela proposta de exame, testada pelo Inep com 22 mil alunos no fim do ano passado, parte das questões será lida pelo professor e respondida pelos alunos e parte lida pelos estudantes. O objetivo é verificar a compreensão que a criança tem de um enunciado e o domínio da leitura.

“Não tem ranking.a Provinha é um instrumento colocado à disposição das redes para auto-avaliação. Ao oferecer a prova no início e no fim do ano letivo, o objetivo do MEC é dar instrumentos às escolas para comparar o aprendizado dos alunos do ciclo de alfabetização e, se necessário, oferecer reforço escolar.

Segundo Maria do Pilar, além de orientar o professor sobre o desempenho individual do aluno e do conjunto da turma e possibilitar o planejamento de aulas de reforço, a Provinha permite verificar se o estudante que entrou com seis anos aprendeu mais em relação àquele matriculado aos sete. Com o crescimento do número de matrículas no ensino fundamental de nove anos, a partir do ingresso na escola aos seis, esse dado ganha importância por permitir a avaliação do aprendizado dos que chegam à escola pública mais cedo.

Em Cajazeiras segundo a secretária de Educação Vanderlúcia Alencar cerca de 500 alunos do 2º ano farão a Provinha.

Vanderlúcia afirmou que após o resultado desta avaliação a secretaria de educação fará um estudo destes resultados que de imediato deverá realizar as melhorias necessárias.

Da redação do Diário do Sertão

Tags:
CLUBE VIVE IMPASSE

VÍDEO – Representante do Atlético em reunião da FPF apresenta fórmula para participar do Paraibano 2019

VÍTIMA DA DIABETES

VÍDEO: Ameaçada de perder o segundo pé, idosa de Cajazeiras pede ajuda para adquirir sandália especial

ASSISTA

VÍDEO: ‘Mensagem de Esperança’ debate o mundo e o mal, sexo e outros temas

PARTICIPE!

VÍDEO: Gerente do Sebrae fala de revolução tecnológica em feira de Cajazeiras e convida empreendedores