header top bar

string(13) "diario-sertao"

section content

Gerente da Nona Regional de Saúde revela motivo da UPA de Cajazeiras estar fechada e aponta carências na região

Edjane revelou ainda que, a UPA não funcionará com caráter regional, pois, muitos prefeitos não quiseram aderir ao serviço.

Por

17/09/2013 às 19h07

A gerente regional de Saúde de Cajazeiras, Edjane Leite foi entrevistada nesta terça-feira (17) no programa Interview da TV Diário do Sertão. Na oportunidade, a gestora falou sobre a UPA (Unidade de Pronto Atendimento) de Cajazeiras que foi inaugurada, mas, não começou a funcionar.

Segundo Edjane, a UPA já está equipada e profissionais estão sendo qualificados para que iniciem os trabalhos.

Edjane revelou ainda que, a UPA não funcionará com caráter regional, pois, muitos prefeitos não quiseram aderir ao serviço. “Eles acham que não irão precisar do atendimento”, disse.

Trajetória
Edjane é natural da cidade de Cajazeiras e contou que desde pequena tem vontade de atuar na área da saúde. A enfermeira se graduou na Faculdade Santa Maria em Cajazeiras. Edjane Leite disse que, ainda não se sente totalmente realizada, pois, tem um sonho de fazer mestrado.

Em Cajazeiras, Edjane trabalhou como professora e sua primeira atuação na saúde foi na urgência do Hospital Regional de Cajazeiras. Edjane trabalhou também na Polí Clínica e em seguida, iniciou na Gerência Regional de Saúde.

Cargo
Na ocasião, Edjane falou sobre as dificuldades do novo cargo que era da atual diretora do Hospital Regional de Cajazeiras, Maura Sobreira. A gerente disse que ficou surpresa quando recebeu a notícia de que assumiria o cargo. “Não tive medo de ser comparada, mas, tenho minhas habilidades”, disse.

Edjane falou das dificuldades que a Saúde enfrenta na região de Cajazeiras e disse que a Oncologia (Especialidade que estuda tumores malignos) é um ponto muito fraco. “A referência mais próxima que temos é Patos”, disse. A gestora explicou que o Estado oferta a medicação, mas, que no início, o paciente tem que passar por um especialista. “Encaminhamos para Patos, Campina Grande ou João Pessoa”.

Além disso, Edjane disse que outra grande deficiencia da saúde é a falta de profissionais na região. “Os médicos não querem morar no Sertão e os que vem querem ter muita regalia”, disse.

Veja a entrevista completa!

DIÁRIO DO SERTÃO
 

Tags:
VÍDEO

Secretário responde a sindicato e diz que acusações contra prefeito de Cajazeiras podem parar na Justiça

CLUBE VIVE IMPASSE

VÍDEO – Representante do Atlético em reunião da FPF apresenta fórmula para participar do Paraibano 2019

VÍTIMA DA DIABETES

VÍDEO: Ameaçada de perder o segundo pé, idosa de Cajazeiras pede ajuda para adquirir sandália especial

ASSISTA

VÍDEO: ‘Mensagem de Esperança’ debate o mundo e o mal, sexo e outros temas