header top bar

string(16) "diario-esportivo"

section content

Sousa decepciona e dá adeus à Copa do Brasil

Com minuto de silêncio em homenagem a mãe do treinador do Sousa, Pedro Albuquerque, em seguida o árbitro dá início a partida, aonde o Sousa Esporte Clube iniciou com tudo para cima do time baiano, que conseguiu um escanteio ao primeiro minuto de jogo. Mas o Vitória não se intimidou e aos quatro minutos, Marquinhos, […]

Por

14/02/2008 às 07h26

src=http://www.sertaoinformado.com.br/img/sousa_vitoria.jpgCom minuto de silêncio em homenagem a mãe do treinador do Sousa, Pedro Albuquerque, em seguida o árbitro dá início a partida, aonde o Sousa Esporte Clube iniciou com tudo para cima do time baiano, que conseguiu um escanteio ao primeiro minuto de jogo. Mas o Vitória não se intimidou e aos quatro minutos, Marquinhos, camisa 11, colocou água no chope do Sousa abrindo o marcador no Marizão para o Vitória.

O dinossauro não baixou a guarda e com o apoio de sua torcida pressiona o Vitória em busca do gol de empate, com vários ataques o Sousa exige boas defesas do arqueiro França. Em um jogo aberto, o Sousa pressiona a equipe baiana, que se segurava esperando o melhor momento para explorar o contra ataque.

O Sousa continua pressionado e aos 17 minutos em uma jogada rápida de Márcio Tarrafas que só foi parado com uma forte falta cometida pelo zagueiro Anderson Martins, que tomou o primeiro cartão amarelo da partida.

A torcida empurrou o Sousa e aos 38 minutos em uma boa jogada de Ribinha chuta a bola na trave do goleiro França, e em um bate-rebate, a bola sobra para Paulinho Pernambucano que chuta forte de fora da área e empata o jogo, levando a torcida sousense à loucura. Final do primeiro tempo Sousa 1, Vitória também 1.

Começa a etapa complementar com o Sousa mais tranqüilo na partida, e em um jogo aberto ambas as equipes podendo marcar o segundo gol no jogo. Não demorou muito e em uma bobeira da zaga do dinossauro aos sete minutos, Jackson, camisa 10, aproveita e amplia para a equipe baiana.

Após o gol, o Sousa se abalou e aos 32 minutos o jogador Moré faz o terceiro gol para o time do Vitória, deixando o estádio "O Marizão" completamente calado. Aos 33 minutos o treinador sousense, Pedrinho Albuquerque, faz a primeira substituição no jogo, saindo Márcio Tarrafas para entrada de Léo Cearense.

O Sousa não se encontra em campo, o Vitória perde várias chances de gol. Aos 33 minutos o Sousa faz mais uma substituição, entrando o zagueiro Robson que em sua primeira participação recua a bola com pouca força para o goleiro Bel, e o atacante do Vitória aproveita a bobeira e amplia a goleada baiana. Final de joga Sousa 1, Vitória 4. Com esse placar o time sousense dá adeus a Copa do Brasil 2008.

Hidroastro B. Abrantes – Sertão Informado
Especial de Sousa

Tags:
ENTREVISTA

VÍDEO: Programa Diversidade em Foco com professor de Português destaca as variações da nossa língua

HERANÇA ARTÍSTICA

VÍDEO: Filho de grande nome da música brasileira agita a Festa do Brega no Cajazeiras Tênis Clube

EM JOÃO PESSOA

VÍDEO E FOTOS: Posse da nova diretoria da API é marcada por repentes, lançamento de livro e emoção

DUPLA CERIMÔNIA

VÍDEO: OAB lança em Cajazeiras as chapas para as eleições da Seccional Paraíba e da Subseção local