header top bar

section content

Pena de Guerrero é reduzida para seis meses e atacante vai à Copa

Jogador foi punido pela Fifa após ser flagrado em um exame antidoping

Por Priscila Belmont

21/12/2017 às 09h41

© REUTERS

O Tribunal de Apelação da Fifa acatou o recurso da defesa de Paolo Guerrero e reduziu a pena do atacante peruano de um ano para seis meses. Com a decisão, o jogador poderá jogar a Copa do Mundo Rússia 2018 com a seleção do Peru.

A informação foi divulgada pelo jornal “O Globo” e confirmada pelo Esporte ao Minuto.

A suspensão de Guerrero teve início no dia 3 de novembro. Desta forma, a punição tem validade até o dia 3 de maio. O Mundial da Rússia começa em 14 de junho.

Apesar da redução da pena, os advogados de Paolo Guerrero vão tentar um novo recurso na Corte Arbitral do Esporte (CAS). O objetivo é conseguir uma absolvição total, o liberando, inclusive, para voltar ao Flamengo.

O DOPING

Paolo Guerrero foi flagrado em um exame antidoping realizado após a partida entre Peru e Argentina, realizada em 5 de outubro, em Buenos Aires. A substância encontrada no organismo do atleta foi a benzoilecgonina, metabólito da cocaína. Ele foi suspendeu preventivamente pela Fifa por 30 dias, antes do julgamento.

A substância é oriunda da folha de coca, muito utilizada na produção de chás em países da América do Sul.

Notícias ao Minuto

ASSISTA!

Arquitetura, urbanismo e direitos humanos marcaram último episódio da temporada do Coisas de Cajazeiras

VÍDEO

Comemorando o dia dos Direitos Humanos, professor fala sobre os avanços da data no Diversidade em Foco

SERTÃO PRESTIGIADO

VÍDEO: Com cajazeirense na vice-presidência, OAB-PB empossa os eleitos para comandar a instituição

ÁGUA

VÍDEO: Prefeito de Santa Helena inaugura barragem na comunidade São Bento e açude já acumula água