header top bar

section content

Marcos Nascimento assume culpa pela situação do Naça, mas mantém otimismo

Técnico do Canário do Sertão garante que o time vai brigar pela vaga no mata-mata do Paraibano até o último minuto de jogo contra o Serrano-PB, no domingo

Por Globo Esporte PB

28/02/2018 às 09h11

Marcos Nascimento isenta o elenco pela queda de rendimento do time no Paraibano (Foto: Reprodução / TV Paraíba)

Com a derrota para o CSP no último domingo, o Nacional de Patos saiu da zona classificatória para a fase de mata-mata do Campeonato Paraibano. Responsabilizando-se pelo resultado negativo, o técnico Marcos Nascimento terá a semana inteira para ajustar o time, visando o confronto decisivo contra o Serrano-PB, no próximo domingo, em jogo válido pela décima e última rodada da primeira fase da competição, para brigar pela vaga no G-3 do Grupo A. A equipe sertaneja, no entanto, precisa fazer a sua parte ainda torcer por tropeço do Sousa ou do Botafogo-PB.

Com erros, o Naça deixou escapar a vaga no G-3. As vitórias de Sousa e do Botafogo-PB – sobre Treze e Desportiva Guarabira respectivamente – complicaram o cenário da equipe patoense. Dinossauro e Belo se distanciaram e fecham o grupo classificatório do Grupo A, que tem o Campinense como líder. Sem responsabilizar ninguém, o técnico alviverde assumiu a culpa da derrota diante da torcida do Canário.

– Sou eu que coloco eles (jogadores) para jogar. Chamo a responsabilidade para mim. A culpa total eu assumo. Só quero que a equipe treine na semana e vá para Campina jogar o que sabe jogar – declarou Marcos Nascimento.

Mesmo em situação mais complicado, o comandante mantém o otimismo pela classificação. Pela décima rodada, o Nacional de Patos encara o Serrano-PB no Estádio Presidente Vargas, às 16h do próximo domingo, em Campina Grande. O treinador não terá tarefa fácil. O Lobo da Serra também busca a classificação para o mata-mata na última rodada da primeira fase da competição. Com oito pontos, o Serrano-PB aposta todas as fichas para ultrapassar o Atlético de Cajazeiras, terceiro colocado, também com oito pontos, e ainda conta com o jogo não finalizado contra o Auto Esporte para pontuar (com placar em 1 a 1, o duelo vai ser encerrado nesta quarta-feira).

– Ainda dá. Não é porque nós perdemos um jogo dentro de casa que soltaram uma bomba aqui. Com uma vitória diante do Serrano, com respeito, nós estaremos classificados (Marcos Nascimento).

Para avançar de fase e passar longe do quadrangular da morte, o Naça precisa vencer e contar com tropeço (empate ou derrota) do Sousa diante da Desportiva Guarabira ou derrota do Botafogo-PB para o Atlético-PB. Se o Naça empatar com o Serrano-PB, então o único jeito para avançar seria contar com derrota do Dinossauro por pelo menos três gols de diferença. E, se perder, o Canário do Sertão já vai direto para o quadrangular da morte. Mas todos esses jogos prometem ser complicados, já que Serrano-PB, Atlético-PB e Desportiva ainda brigam para garantir a classificação.

Fonte: https://globoesporte.globo.com/pb/futebol/times/nacional-de-patos/noticia/marcos-nascimento-assume-culpa-pela-situacao-do-naca-mas-mantem-otimismo.ghtml

FASE DE 'ÓCIO'

VÍDEO: Aposentado, jornalista da PB cita ex-colegas da imprensa que ele admira e diz se pretende voltar

GOVERNADOR ELEITO

VÍDEO: Azevêdo diz que apesar de Sousa não eleger nenhum deputado, cidade terá representante no governo

AGRADECIMENTOS

VÍDEO: Em show após morte do pai, cantor cajazeirense emociona ao contar trajetória e apoio da família

SE POSICIONANDO

Líder católico de Cajazeiras grava vídeo fazendo apelo para não votarem em Bolsonaro “pelo amor de Deus”