header top bar

section content

Enquete feita pelo Diário do Sertão aponta que poder judiciário é o mais bem avaliado pelos internautas

A enquete foi realizada entre os dias 21 a 28 de junho e recebeu um total de 482 votos.

Por Campelo Sousa

30/06/2020 às 10h39

Internautas afirmaram confiar mais no Poder Judiciário

Uma enquete realizada pelo portal Diário do Sertão apontou que a maioria dos internautas acreditam no poder judiciário. A pergunta era: em quais destes poderes você mais acredita? As alternativas eram o judiciário, o executivo e legislativo.

VEJA TAMBÉM

Em enquete, internautas afirmam que são contra a reabertura de igrejas e templos por causa da pandemia

Com 403 votos, a maioria escolheu o poder judiciário. Em segundo lugar ficou o poder executivo com apenas 63 votos, enquanto o poder legislativo recebeu somente 13 avaliações positivas.

A enquete foi realizada entre os dias 21 a 28 de junho e recebeu um total de 482 votos.

Resultado da enquete feita pelos internautas do DS

Confiança na Justiça
Dos três Poderes, o Judiciário é o mais bem avaliado pela sociedade, por advogados e defensores públicos. Isso é o que aponta o “Estudo Sobre o Judiciário Brasileiro”, feito pela Fundação Getulio Vargas sob encomenda da Associação dos Magistrados Brasileiros (AMB).

A pesquisa, que foi lançada nesta segunda-feira (02/12) na FGV-Rio, afirma que 52% dos brasileiros confiam no Judiciário. A Presidência da República é considerada confiável por 34% da população. Já o Congresso Nacional, por 19%. O levantamento foi feito entre agosto de 2018 e novembro de 2019.

PORTAL DIÁRIO

REMÉDIO POLÊMICO

VÍDEO: Cajazeiras registra mais um óbito por Covid-19 e prefeitura disponibiliza Ivermectina a pacientes

NOVAS MEDIDAS

VÍDEO: Prefeito explica decisão de decretar lockdown e toque de recolher na cidade de Conceição

DURANTE PANDEMIA

VÍDEO: Promotor fala como o Ministério Público pode evitar ou punir crime eleitoral em eleição atípica

'ERRO HISTÓRICO'

VÍDEO: Povo desrespeita isolamento porque Brasil não investe em educação, diz empresário de Cajazeiras

Recomendado pelo Google:
error: Alerta: Conteudo Protegido !!