header top bar

section content

Bolsa Família pode ser suspenso em 47 cidades da Paraíba

A duas semanas do encerramento do prazo para monitoramento de saúde dos beneficiários do Bolsa Família, 47 municípios paraibanos ainda não enviaram nem 20% das informações sobre o total de famílias que recebem o benefício.

Por

15/12/2009 às 10h11

/A duas semanas do encerramento do prazo para monitoramento de saúde dos beneficiários do Bolsa Família, 47 municípios paraibanos ainda não enviaram nem 20% das informações sobre o total de famílias que recebem o benefício.

Em 22 deles, os gestores não prestaram qualquer tipo de informação, segundo o Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS). Os municípios têm até o dia 31 deste mês para acessaram o sistema do Ministério da Saúde para o registro dos dados.

Caso contrário, os municípios ficarão sem os recursos do Índice de Gestão Descentralizada (IGD), repassados pelo MDS, para investimento na gestão local do programa.

Na Paraíba, são 365.224 famílias beneficiadas, no entanto, até o momento, apenas 45,2% das famílias foram monitoradas pelo MDS. Um monitoramento adequado das condicionalidades pressupõe manter o cadastro atualizado e promover uma parceria entre o gestor municipal do Bolsa Família e os responsáveis pelas áreas de Educação e Saúde, além da Assistência Social.

Da redação com Jornal Correio

Tags:

Recomendado para você pelo google

VÍDEO

Secretário de João Azevêdo defende aproximação de Dra Paula e Zé Aldemir ao Governo estadual

BRIGA NO CARNAVAL

VÍDEO: Autoridades policiais revelam que suspeitos do crime na Vila Nova em Cajazeiras alegaram vingança

SAÚDE

VÍDEO: Mensagem Empresarial recebe médico radiologista e tira dúvidas sobre os exames por imagem

CRISE NO PSB

VÍDEO: Nonato Bandeira evita dar resposta a Ricardo por determinação de João Azevêdo: “Estamos focado no trabalho”