header top bar

section content

TRE reprova contas das eleições 2006 de Cássio

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) julgou nesta sexta-feira (14) dois casos contra o ex-governador Cássio Cunha Lima (PSDB). Em um deles, inclusive, o TRE rejeitou por unanimidade o mandato de segurança em que a defesa de Cássio tentava rever a reprovação de contas da campanha governamental de 2006.  O ex-governador tucano é acusado de contração […]

Por

14/08/2009 às 18h18

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) julgou nesta sexta-feira (14) dois casos contra o ex-governador Cássio Cunha Lima (PSDB). Em um deles, inclusive, o TRE rejeitou por unanimidade o mandato de segurança em que a defesa de Cássio tentava rever a reprovação de contas da campanha governamental de 2006. 

O ex-governador tucano é acusado de contração de dívida antes da abertura de conta bancária e permuta de cheque por dinheiro. Segundo a corte eleitoral, Cássio teria dado um cheque a um empresário para trocá-lo por dinheiro, o que é vedado pela legislação eleitoral. 

No outro processo envolvendo o tucano, a Coligação Paraíba de Futuro é acusada de “abuso de poder político” e trata de dois funcionários públicos em um carro que, nas vésperas da eleição de 2006, foram detidos pela PRF com material de campanha do então candidato à reeleição e com uma quantia de mais de R$ 42 mil. 

O jurista Lyra Benjamin, no entanto, pediu vistas e o processo saiu de pauta. Ele deve voltar a ser discutido na segunda sessão do TRE após o jurista receber em mãos o processo 

Fonte: ClickPB

Tags:

Recomendado para você pelo google

VÍDEO

“Sou liderança forte, mas estou abandonado”, declarou Gobira ao vivo sobre grupo de Carlos Antonio

VÍDEO!

Padre cajazeirense responde a cantor gospel que atacou Nossa Senhora: “Nossos pêsames a esse cantor”

SAIBA

É OU NÃO É FERIADO? Em entrevista, prefeito de Cajazeiras decide sobre o Dia de São Pedro

PROGRAMA XEQUE MATE

Em Cajazeiras, pai de Gabriel Diniz se emociona e fala com exclusividade sobre a morte do cantor