header top bar

section content

TRAGÉDIA NA PARAÍBA: Criança de oito anos é baleada na cabeça pelo primo quando brincavam

Segundo foi informado a polícia, a mãe da criança estava no trabalho no momento do tiro.

Por Redação Diário

12/11/2017 às 14h11 • atualizado em 12/11/2017 às 14h14

Criança é baleada na zona rural de Araruna, Agreste paraibano

Uma criança de oito ano ficou ferida após ser atingida por um tiro de espingarda na cabeça em um sítio na cidade Araruna, no Agreste paraibano, no sábado (11). Segundo informações repassadas pela Polícia Militar, o menino foi baleado de raspão pelo próprio primo, de 15 anos, acidentalmente. O adolescente exibia a arma para a criança quando houve o disparo acidental, de acordo com a PM.

MAIS NOTÍCIAS POLICIAS – Clique aqui!

A mãe da criança estava no trabalho no momento do tiro. O menino foi socorrido pelo Samu e encaminhado para o Hospital de Emergência e Trauma de João Pessoa. O estado de saúde da criança não foi informado pelo hospital, que deve publicar um boletim médico no início até a manhã desta segunda-feira (13).

De acordo com o sargento Jeremias, da Polícia Militar da Paraíba em Araruna, a arma que o adolescente manuseava tinha sido encontrado por ele e pela criança enquanto brincavam no sítio. “Segundo relato da própria criança, eles estavam brincando quando encontraram armas abandonadas em uma casa no sítio”, completou.

O adolescente não foi encontrado pela polícia no local onde o acidente foi registrado. O avô, tanto da vítima, quanto do suspeito, foi conduzido até a delegacia e prestou depoimento.

PORTAL DIÁRIO com Polêmica Paraíba

Tags:

Recomendado para você pelo google

DINHEIRO NO BOLSO

VÍDEO: Show e Prêmios Alô da Sorte realiza mais um sorteio mensal da rodada extra; Saiba quem ganhou

PROFESSORES CONTRATADOS

VÍDEO: Após pressão de vereador, prefeitura de Cajazeiras confirma pagamento de salários atrasados

VIOLÊNCIA SEM PARAR

VÍDEO: Jovem é morto com vários tiros e mulher fica ferida após ser vítima de bala perdida em Cajazeiras

TRAGÉDIA

VÍDEO: Comandante da PM lamenta morte de vereador e diz que assassinos são conhecidos no crime