header top bar

section content

NA PARAÍBA: Idoso é preso por pisotear criança de apenas um ano e agredir enteada

De acordo com a mãe da criança, seu padrasto chegou embriagado na residência onde eles moram, e começou a ofender ela e a sua mãe com palavras de baixo calão.

Por Mais PB

19/03/2018 às 12h41

Foto ilustrativa - Google

Um idoso de 63 anos foi preso na noite de domingo (18), acusado de agredir e ameaçar a enteada e pisotear a filha dela, uma criança de 1 ano e 8 meses de idade. A prisão foi feita por policiais da 2ª Companhia do 4º Batalhão de Polícia Militar, em Alagoa Grande

De acordo com a mãe da criança, seu padrasto chegou embriagado na residência onde eles moram, no Conjunto Vera Cruz, e começou a ofender ela e a sua mãe com palavras de baixo calão.

No momento em que ele ia pegar um eletrodoméstico para quebrar, pisoteou a criança e, para defender a filha, ela se agarrou com o agressor. Ele então a segurou pelos cabelos e só soltou diante dos apelos da esposa, que é mãe da vítima e avó da criança.

De acordo com informações da Polícia Militar, o suspeito fez ameaças de morte contra a enteada e chegou a se dirigir para a cozinha para pegar uma faca, sendo impedido pela esposa.

A guarnição comandada pelo subcomandante da 2ª Companhia, tenente Diniz, esteve na residência e prendeu em flagrante o suspeito, que foi conduzido para a delegacia, onde foi autuado pelo crime de violência doméstica.

Fonte: Mais PB - http://www.maispb.com.br/251352/idoso-e-preso-por-pisotear-crianca-de-apenas-um-ano-e-agredir-enteada.html

Recomendado para você pelo google

DIRETO AO PONTO

VÍDEO: Se reforma da Previdência não cortar privilégios, sociedade deve ‘gritar’ contra ela, diz padre

INFRAESTRUTURA

VÍDEO: Chuvas destroem ruas de Cajazeiras que não são pavimentadas e moradores cobram ação da Prefeitura

VETERANO DA MÚSICA

VÍDEO: Em Cajazeiras, cantor de renome nacional critica sertanejo universitário: “Virou uma baderna”

COBRA REAJUSTE DE 2018

VÍDEO: Sindicalista elogia Zé Aldemir por salário de professores, mas diz que felicidade é ‘entre aspas’