header top bar

section content

Liminar determina desocupação e posse de Neto Lacerda em S. José de Piranha

O juiz corregedor Carlos Eduardo Lisboa concedeu liminar nesta quinta-feira (29) para que seja consolidada a posse do segundo colocado nas eleições municipais de São José de Piranhas

Por

29/02/2008 às 11h32

O juiz corregedor Carlos Eduardo Lisboa concedeu liminar no início da noite desta quinta-feira (29) para que seja consolidada a posse do segundo colocado nas eleições municipais de São José de Piranhas, Joaquim Lacerda Neto.

A informação foi repassada pelo advogado Delosmar Mendonça que está defendendo Joaquim Lacerda Neto. Ele informou que a liminar determina ao juiz da Cidade que garanta a posse, através da desocupação da Prefeitura. O prédio foi invadido na manhã desta quinta pelo vice-prefeito João Batista. As informações são de que ele teria até trocado a fechadura.

"Acredito que amanhã, a juiz da Cidade deva convocar força policial para desocupar o prédio da Prefeitura e retirar o invasores", disse Delosmar.

O conflito começou quando o prefeito José Ferreira de Carvalho (Zezé de Né Gomes) foi afastado do cargo, através de cassação. A Justiça determinou que o 2º colocado Joaquim Neto assumisse o cargo e a Câmara de Vereadores decidiou pela posse do vice-prefeito, João Batista.

Portal Correio

Tags:
ESTÁ NA CAPITAL DESDE 2015

EXCLUSIVO: Após três anos, lendário padre de Cajazeiras revela o que motivou sua ida para João Pessoa

AMOR E FÉ

ESPECIAL DE FÉRIAS: Crianças e adolescentes de Cajazeiras e Sousa abrilhantam programa na TV Diário

AUXILIAR DO TROVÃO

VÍDEO: Agora no Atlético-PB, ex-jogador do Corinthians está confiante em vaga no Brasileirão da Série D

SAÚDE & BEM-ESTAR

VÍDEO: Médico alerta para consequências do uso excessivo de alguns medicamentos no aparelho digestivo