header top bar

section content

Prefeito da região de Cajazeiras ignora máquinas do Governo e gasta milhões com terceirização

Segundo o site do Governo Federal, o gestor municipal recebeu máquinas para executar serviços na agricultura e beneficiar a população

Por

11/05/2015 às 19h00

O município de São João do Rio do Peixe foi contemplado no ano de 2013 com o Kit de máquinas doado através do Programa de Aceleração ao Crescimento (PAC) do Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA), Governo Federal, mas nem isso fez com que o prefeito Airton Pires (PSC) gastasse no ano seguinte R$ 144.250,00 com uma empreiteira, contratada para executar serviços de terraplanagens.

Segundo o site do Governo Federal, o gestor municipal recebeu máquinas para executar serviços na agricultura e beneficiar a população, porém, o sagres do Tribunal de Contas do Estado trouxe despesas na ordem de R$ 144 mil para pagamento dos serviços que deveriam ser executados pelas máquinas doadas.

Airton Pires prestou conta das despesas de terceirização no ano passado com a empresa “Tetin Eireli-me”, que teve como modalidade “Pregão Presencial” e sem licitação, mas que custou aos cofres públicos mais de R$ 140 mil.

De acordo com a prestação de contas, para embolsar a fortuna, a empreiteira realizou serviços de escavação e terraplanagem em açude do Sítio Gerimum, além de terraplanagem no Sítio Pavão.

Você também pode gostar: 

?Liderança denuncia prefeito por fechar PSF, Caps e vender máquinas do município

?Prefeito de São João do Rio do Peixe tem administração reprovada pela população; 71% avaliaram gestão como péssima

?Oposição denuncia que prefeito de São João do Rio do Peixe perseguiu artista e demoliu sua casa. “Ele ficou depressivo e morreu” OUÇA! 

?Primeira-dama é acusada de sequestrar salário de funcionária da prefeitura ?Teve mês que recebi R$ 300? 

?Prefeito de São João do Rio do Peixe promete, mas não cumpre e população chora e clama por recuperação de açude

A realidade é outra
Enquanto Airton Pires retira dos cofres públicos milhões para terceirizar empresas, a população do Sítio Várzea da Serrinha clama por melhorias para o único açude público da comunidade desde 2013 e nada foi feito.

Na época o prefeito se comprometeu em mandar recuperar o manancial, mas não cumpriu a promessa ainda.

DIÁRIO DO SERTÃO

Tags:

Recomendado para você pelo google

SESSÃO NA CÂMARA

VÍDEO: Em Cajazeiras, coordenador de Diversidade Religiosa na PB fala sobre diálogo e busca por respeito

ASSASSSINATO

VÍDEO! Delegado fala sobre o crime de homicídio que vitimou professor de karatê em Sousa

SEM POLÍTICAS PÚBLICAS

VÍDEO – Líder lamenta ‘desprezo’ dos governos e ‘extinção’ da cultura dos ciganos na cidade de Sousa

VÍDEO

SERTÃO: Empresário sugere vaquinha para “salvar” feira de negócios após prefeitura negar apoio