header top bar

section content

Município de Sousa chega aos 12 óbitos e 894 casos confirmados do novo coronavírus

Segundo dados da secretaria de saúde, esse foi terceiro óbito em apenas 24 horas e o oitavo somente no mês de julho.

Por Campelo Sousa

14/07/2020 às 17h18 • atualizado em 14/07/2020 às 17h20

Casos da COVID-19 seguem aumentando diariamente (foto: reprodução/Google)

O boletim epidemiológico divulgado pela prefeitura municipal de Sousa apontou aumento de 31 novos casos confirmados da COVID-19 e chegou aos 12 óbitos.

Segundo dados da secretaria de saúde, esse foi terceiro óbito em apenas 24 horas e o oitavo somente no mês de julho.

O boletim epidemiológico divulgado nesta segunda-feira (13) apontou que os casos chegaram a 894, entre eles 09 hospitalizados (06 em leitos de enfermaria e 03 leitos de UTI). 359 permanecem em isolamento domiciliar e 514 recuperados. Os óbitos são 12 e os casos suspeitos 229, além de 497 descartados.

Bandeira amarela
De acordo com levantamento epidemiológico da Secretaria de Estado da Saúde, o município de Sousa foi classificado com bandeira amarela e o comércio continuará aberto seguindo todas as medidas de segurança.

Três óbitos em 24 horas:

10º óbito
Mulher, 52 anos, residente no Jardim Iracema, admitida na UPA de Sousa no dia 28 de Junho de 2020, regulada para o Hospital Regional de Piancó no dia 29 de junho, teve seu caso agravado vindo a óbito na tarde desta segunda-feira,13 de Julho.

11º óbito
Ocorrido no Hospital Universitário Júlio Bandeira (HUJB) na cidade de Cajazeiras, na noite desta segunda-feira (13). O paciente era um homem de 71 anos de idade, o qual residia no Bairro Alto do Cruzeiro. 

12º óbito
Mulher de 83 anos de idade que morava no Núcleo Habitacional 3.

VEJA TAMBÉM

No dia do aniversário da cidade, Sousa registra maior aumento de novos casos da COVID-19 em 24 horas

Devido ao avanço do Covid, MPPB recomenda que bares, restaurantes e espetinhos em Sousa sejam fechados

Veja os óbitos registrados em Sousa desde o início da pandemia:

1- Mulher de 67 anos, dia 11 de maio, residente no Bairro São José;
2- Mulher de 64 anos, dia 09 de junho, residente no Bairro André Gadelha;
3 -Mulher de 55 anos, dia 23 de junho, residente no Bairro Alto do Cruzeiro;
4 – Mulher de 38 anos, dia 25 de junho, residente no Bairro Jardim Iracema;
5 -Homem de 80 anos, dia 30 de junho, residente no Distrito de São Gonçalo;
6 – Mulher de 69 anos, dia 04 de julho, residente no Bairro Mutirão;
7- Homem de 68 anos, dia 04 de julho, residente no Bairro Mutirão;
8 – Homem de 31 anos, dia 08 de julho, residente no Distrito de São Gonçalo;
9 -Homem de 78 anos, dia 08 de julho, residente no Bairro Mutirão;
10 – Mulher de 52 anos, dia 13 de julho, residente no Bairro Jardim Iracema;
11- Homem de 71 anos, dia 13 de julho, residente no Bairro Alto do Cruzeiro;
12 – Mulher de 83 anos, dia 14 de julho, residente no Núcleo 3.

Comércio segue aberto
O prefeito de Sousa, Fábio Tyrone, publicou no dia 29 de junho um novo decreto com novas determinações e restrições por conta do avanço do novo coronavírus no município. As determinações são válidas até o dia 17 de julho.

– Os estabelecimentos considerados essenciais ficarão restritos ao funcionamento de 22h, entre eles os supermercados, conveniências, postos de combustível, farmácias, padaria, lava jatos, feiras livres, empresas telecomunicação, internet e energia elétrica, concessionárias de veículos, clinicas, hospitais veterinários entre outros.

Recomendação do Ministério Público
O Ministério Público da Paraíba recomendou ao prefeito de Sousa que cumpra o Decreto Estadual n. 40.304/2020 que classifica o referido município na Faixa Amarela de atenção da covid-19, sendo vedado, nessa faixa, o funcionamento de bares, espetinhos e restaurantes. A recomendação foi expedida pela promotora de Justiça Ana Maria França.

Segundo o MP, a população do município não vem obedecendo adequadamente as normas de isolamento e distanciamento social, uma vez que as imagens que circulam na internet dão mostras que parte da população apresenta resistência à ordem e não respeita as leis criadas com o objetivo de evitar a proliferação do vírus.

DIÁRIO DO SERTÃO

DECISÃO POLÊMICA

EXCLUSIVO: Padre excomungado pela Diocese de Cajazeiras revela por que trocou de Igreja Católica

ASSISTA

Médico revela que o único teste que detecta o novo coronavírus é o RT-PCR: “Já cansei de dizer aqui”

ÁGUA COM DONO?

VÍDEO: Gerente da Cagepa critica nova lei do saneamento de Bolsonaro e lamenta situação dos lixões

SURPREENDEU

VÍDEO: Vereador de Umari-CE pelo PT afirma que Bolsonaro mudou postura na pandemia após críticas

Recomendado pelo Google:
error: Alerta: Conteudo Protegido !!