header top bar

section content

Moradores do Sertão cobram providências para ‘Rua da Lama’, e temem tragédia. “O medo é a gente ficar debaixo”

Local é uma ladeira bastante íngreme com solo extremamente irregular, e a situação fica ainda mais preocupante quando chove

Por Jocivan Pinheiro

22/04/2016 às 18h47 • atualizado em 23/04/2016 às 15h23

Moradores de São José de Caiana, município que fica no Vale do Piancó, Sertão paraibano, estão há décadas cobrando da Prefeitura a pavimentação e saneamento da rua São José, uma das vias públicas mais acidentadas e de difícil acesso da cidade.

Rua São José, em S. J. de Caiana

Rua São José, em São José de Caiana

O local é uma ladeira bastante íngreme com o solo extremamente irregular, cheio de crateras e terra solta. E a situação fica ainda mais preocupante quando chove.

De acordo com os moradores, durante as chuvas a rua se torna uma grande cascata de lama, por isso ela ficou conhecida como “Rua da Lama”. Nessas horas a lama invade casas, danifica paredes, compromete o solo e, com isso, aumenta o risco de desabamentos.

A dona de casa Edicleide Justino é uma das pessoas que mais sofrem quando chove. Numa das últimas chuvas que ocorreu, sua casa foi invadida por água e lama. Edicleide culpa a Prefeitura pelo alagamento porque, segundo ela, a Secretaria Municipal de Infraestrutura está apenas colocando terra na rua para tapar buracos, e quando chove a terra vira lama e invade a sua casa.

– Foi muito difícil esse dia para mim, porque minha casa encheu muito d’água. Realmente eu estava doente, mas foi preciso lutar contra essa água que estava acabando com minha casa. Eu fui procurar alguém da Prefeitura para tirar a terra que eles mesmo tinham movido em frente à minha casa. Não adianta colocar terra nessa rua. A rua precisa de calçamento.

Lama desce e invade casas quando chove

Lama desce e invade casas quando chove

Segundo o ex-vereador Sebastião Lauderi, em 2003 a Prefeitura fez um convênio no valor de R$ 136 mil para pavimentar e sanear a rua, mas não se sabe onde foi parar o dinheiro. Ele afirma que a verba foi desviada.

– Começaram no início da rua, as pedras caíram, a água levou e ficou por aquilo. Não foi concluída por má gestão do gestor público. O povo está sofrendo, enquanto que esse dinheiro foi desviado não sei para onde. O dinheiro sumiu e o serviço não foi feito.

Nossa reportagem tentou entrar em contato com a Secretaria de Infraestrutura de São José de Caiana através do número de telefone que está disponível no site da prefeitura, mas não obtivemos êxito.

MAIS FOTOS:

.

DIÁRIO DO SERTÃO

PROCESSO DE MIGRAÇÃO

Diretor regional na Paraíba tira todas as dúvidas sobre abertura de novas contas dos servidores estaduais no Bradesco

MENSAGEM DE ESPERANÇA

Programa Mensagem de Esperança com Sara Sheyla e Nelson Dantas

A FAVOR DA REFORMA

Empresário diz que Justiça do Trabalho só penalizava os patrões e chama a CLT de ‘excrescência jurídica’

DA REGIÃO DE CAJAZEIRAS

VÍDEO: Do assassinato do pai ao sucesso na política, prefeito conta trajetória de superação no Interview