header top bar

Rodrigo Limeira

section content

Chuvas abaixo da média na região de Patos em 2018

26/06/2018 às 09h48

Conforme previu o estudioso Rodrigo Cézar Limeira, as chuvas ficaram abaixo da média na maioria das localidades da região de Patos em 2018, embora a forma que as chuvas caíram, bons volumes num curto espaço de tempo nos meses de fevereiro e abril, tenham favorecido melhores armazenamentos em vários reservatórios da região do que em anos anteriores.

Confira os índices oficiais, atualizados até o dia 25 de junho de acordo com o Governo do Estado:

Santa Lúzia:

Total: 386,5 mm
Média pluviométrica anual: 547 mm
Percentual abaixo da média: 29,4%

São Mamede:

Total: 670,9 mm
Média pluviométrica anual: 820 mm
Percentual abaixo da média: 18,2%

Teixeira:

Total: 591,4 mm
Média pluviométrica anual: 714,6 mm
Percentual abaixo da média: 17,2%

Água Branca:

Total: 636,4 mm
Média pluviométrica anual: 719,6 mm
Percentual abaixo da média: 11,6%

Patos (Embrapa):

Total: 483 mm
Média pluviométrica anual: 675 mm
Percentual abaixo da média: 28,4%

Serra Branca:

Total: 337,5 mm
Média pluviométrica anual: 532,8 mm
Percentual abaixo da média: 36,7%

São José da Lagoa Tapada:

Total: 831,4 mm
Média pluviométrica anual: 998,5 mm
Percentual abaixo da média: 16,1%

Coremas:

Total: 601,6 mm
Média pluviométrica anual: 882,6 mm
Percentual abaixo da média: 31,8%

Mãe d´Água:

Total: 457,5 mm
Média pluviométrica anual: 746,9 mm
Percentual abaixo da média: 38,7%

Malta:

Total: 745,5 mm
Média pluviométrica anual: 715,9 mm
Percentual de 4,9% acima da média, ou chuva dentro da normalidade

Condado:

Total: 735,3 mm
Média pluviométrica anual: 781 mm
Percentual abaixo da média: 5,9% ou chuva também dentro na normalidade.

Santa Teresinha:

Total: 691,3 mm
Média pluviométrica anual: 871,1 mm
Percentual abaixo da média: 20,6%

Observação: Em todos os postos pluviométricos oficiais de Patos choveu da média esse ano. No próximo artigo serão apresentados os dados dos outros postos, para que se obter resultados ainda mais consistentes.

Sucesso nas lavouras em muitos locais, e alguns fracassos em outros, conforme previa o físico, meteorologista e mestre em Meteorologia Rodrigo Cézar Limeira.

Rodrigo Limeira

Rodrigo Limeira

Rodrigo Cézar Limeira
Formado em Física pela Faculdade Chaffic – São Paulo/SP – 2012;
Formado em Meteorologia pela UFCG – C. Grande/PB – 2006;
Mestre em Meteorologia pela UFCG – C. Grande/PB – 2008;
Físico do NEPEN (Núcleo de Estudos e Pesquisas do Nordeste) de Julho de 2012 à Março de 2015, Editor do Portal Ciência em Foco: (www.cienciaemfoco.com) e Consultor de Clima da Empresa Federal Energia desde Dezembro de 2015.

VÍDEO

Jovem jornalista estreia programa na TV e conta tudo sobre o Atlético de Cajazeiras no Paraibano 2019

PRATICIDADE NA FISCALIZAÇÃO

VÍDEO: TCE-PB inaugura espaço digital público para ideias tecnológicas de controle dos atos públicos

GRUPOS SE ENFRENTAM NA 1ª FASE

VÍDEO: Dirigentes do Sertão comentam sorteio do Paraibano 2019. Atlético enfrentará o ‘grupo da morte’

ASSISTA!

Imagens de câmeras de segurança mostram assalto a comerciante em frente a banco na cidade de Patos

Rodrigo Limeira

Rodrigo Limeira

Rodrigo Cézar Limeira
Formado em Física pela Faculdade Chaffic – São Paulo/SP – 2012;
Formado em Meteorologia pela UFCG – C. Grande/PB – 2006;
Mestre em Meteorologia pela UFCG – C. Grande/PB – 2008;
Físico do NEPEN (Núcleo de Estudos e Pesquisas do Nordeste) de Julho de 2012 à Março de 2015, Editor do Portal Ciência em Foco: (www.cienciaemfoco.com) e Consultor de Clima da Empresa Federal Energia desde Dezembro de 2015.