header top bar

Radomécio Leite

section content

O Cronista do Boato

29/08/2008 às 20h13

Foi uma festa. Uma festa do resgate. Uma festa da memória, in memoriam. Uma festa do reencontro. Uma festa para celebrar os “causos de Valiomar Rolim”, que desta vez não era boato, mas uma festa de verdade. A sua família, tendo a frente a sua irmã Vilmar Rolim fez o que Valiomar, já teria feito se vivo estivesse: reunir suas crônicas, muitas já publicadas em jornais da Paraíba e transforma-las num “delicioso” livro: “O Cronista do Boato – Causos de Valiomar Rolim”, editado pela Moura Ramos, da cidade de João Pessoa.

O lançamento do livro foi realizado na sede do Rotary Clube de Cajazeiras, na Avenida Comandante Vital Rolim e contou com a presença de amigos de Valiomar, muitos de outras cidades, inclusive do Recife, Rio de Janeiro e João Pessoa. Foi uma festa do reencontro dos amigos comuns de Valiomar.

Valiomar em seus “boatos” fez estória e história da terra que lhe serviu de berço. Cajazeiras era o centro de suas atenções, o seu universo, a sua guarida, o seu porto seguro e onde seu coração palpitava acima do normal.
A narrativa de suas crônicas retrata o cotidiano da cidade, esbugalha os personagens mais simples, mais humildes e nelas esconde o riso até o momento final da leitura de cada“boato” que tornava uma realidade no sabor de suas palavras escritas.

Toinha 99, João de Manezim, o guarda Tibúrcio, Zé de Sousa, Zé das Chaves, o não menos famoso Zecão, Neco de Luiz Pezinho, Dedé Bundão e tantos outros cajazeirenses foram brilhantemente lembrados através dos “boatos” de Valiomar. Estes ilustres personagens não poderiam ficar no anonimato, sem um registro histórico nas estórias de Valiomar. Que contribuição valiosa deu Valiomar à História do Cotidiano de nossa urbe.
Rir, rir e rir. Esta é uma constante nos escritos de Valiomar, nos seus causos vivenciados nas paisagens que ficaram marcadas profundamente em sua memória. Não esqueceu os grandiosos e exuberantes cenários de sua cidade, quando de forma carinhosa e telúrica vai fazendo narrativas e enquadrando os seus personagens em cada um deles: o Açude Grande, (por que este açude que não é grande tem uma magia tão grande sobre todo filho de Cajazeiras?), o Tênis Clube, o Clube 1º de Maio, o sesquicentenário Colégio Diocesano, o Sitio Olho Dágua do Melão, a Praça Presidente João Pessoa, o Bar Centenário, a Rua Victor Jurema e outros logradouros da cidade.

Mas Valiomar também introduz nos seus causos figuras importantes da cidade, a exemplo do Bispo Zacarias, do Mons. Vicente Freitas, Dr. Waldemar Pires, Ica Pires, seu tio Chico Rolim, Epitácio Leite, todos envolvidos como personagens de suas envolventes crônicas.

Valiomar não deixou de lado sequer os membros da sua família, motivo de suas telúricas e fraternas narrativas quando suas palavras, em verdadeiros turbilhões, pincelam com amor e carinho, os momentos mais descontraídos vividos no seio da família.

Valiomar se sobressai quando envolve os seus contemporâneos de escolas, de agremiações e de trabalho: Ferreirinha, Luluzinha, Boinho, Rafael Holanda, Neto Xavier, Hora Certa, Galego Capita, Roosevelt Leitão, Mosquito, Dienner, Zélio Furtado, Gutemberg Cardoso, Nonato Guedes, Bira Assis, Luis Alves, Lena Guimarães e mais uma dezena de grandes e fraternos amigos, enquanto moleque, estudante e médico conquistou de coração e simpatia.

Valiomar também defendeu e abraçou através de suas crônicas as grandes causas da terra que lhe serviu de berço, muitas com profunda indignação e revolta, outras mostrando os caminhos para que sua cidade pudesse adquirir o status de melhor da Paraíba, motivo que o orgulhava muito.
A família está de parabéns pelo lançamento do livro que Valiomar tanto sonhou. Na próxima edição, agora com mais tempo, vamos garimpar mais uma dezena de crônicas que não foram publicadas e incluí-las.
Agora Valiomar conta os seus boatos no céu, gloriosamente.

Radomécio Leite

Radomécio Leite

Contato: radomecio@hotmail.com

ACADEMIA CAJAZEIRENSE DE ARTES E LETRAS

VÍDEO: Presidente da ACAL diz que pandemia dificultou a aproximação entre membros da diretoria

RISCOS

VÍDEO: Dois bairros de Cajazeiras estão em alerta de surto de dengue; reportagem mostrou pontos críticos

NOVIDADES

VÍDEO: IFPB de Cajazeiras inicia aulas presenciais e anuncia seletivo com notas dos últimos quatro Enem

OPERAÇÃO ARACATI

VÍDEO: Delegado seccional destaca a quantidade de armas apreendidas em operação na região de Cajazeiras

Radomécio Leite

Radomécio Leite

Contato: radomecio@hotmail.com

Recomendado pelo Google: