header top bar

Fernando Caldeira

section content

Tragédia anunciada

25/10/2019 às 09h17

Coluna de Fernando Caldeira

“A luta foi incansável para defender os teus direitos. Dei suor e lágrimas. Mas, infelizmente, a tragédia anunciada se confirmou. A Reforma da Previdência foi aprovada. O caos só será percebido na hora da aposentadoria. Você, seus filhos, netos e bisnetos pagarão a conta: mais desigualdade, mais pobreza, mais concentração de renda, menos direitos sociais. O exemplo do Chile está aí.”

Esse escrito do Senador Paulo Paim (PT-RS) diz tudo que vamos vivenciar daqui por diante. Você não notará agora: “o caos só será percebido na hora da aposentadoria”, bem registrou ele.

Não me dirijo a você cidadão rico, você está, como sempre esteve, numa boa. Falo com o trabalhador, homens e mulheres que ralam todos os dias pela sobrevivência. Esse, pra usar um termo bem popular, ta f…. e mal pago!
Que precisávamos de uma reforma, não há dúvida. Mas uma reforma que deixa o povo mais pobre na aposentadoria, tenha dó. Isso foi feito no Chile há alguns anos e vejam o que está ocorrendo hoje naquele país.

Com essa reforma o governo diz que haverá uma economia de 830 bilhões de reais em dez anos. Pois bem, de onde sairá esse “dinheiro economizado”? Do bolso do aposentado e portanto do bolso dos proprietários de mercadinhos, mercearias, padarias, farmácias, budegas e outros que tais. Resumindo, haverá menos dinheiro circulante no comércio. Isso significa mais desemprego e menos renda, mais pobreza, mais desigualdade, mais violência…, e por aí vai. Isso não é profecia, é matemática!

Para se ter uma idéia do caos que permitimos que esse Congresso Nacional gerasse com essa reforma, com raras exceções, basta dizer que a maioria dos municípios paraibanos, para ficar só no “nosso quadrado”, tem na renda dos aposentados o seu maior aporte financeiro. Maior inclusive que o Fundo de Participação dos Municípios (FPM). Com a queda de renda dos aposentados que virão, cairá o dinheiro circulante nos municípios e, consequentemente, queda do comércio, do emprego, etc, etc, etc.

Diminuindo o comércio, consequentemente cairá o Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI); com o aumento do desemprego cairá o Imposto de Renda (IR). Com as quedas de IPI e IR, cairá ainda mais o FPM.

Agora imaginem: cai o dinheiro dos aposentados e cai o FPM. Teremos o caos instalado em muitos interiores deste Brasil, inclusive o nosso que já vive a realidade d`outras mazelas.

Tanto quanto lhe enganaram dizendo que a Reforma Trabalhista aumentaria o número de empregos, e a realidade mostra exatamente o contrário, também lhe enganaram dizendo que essa Reforma Previdenciária era boa para o país.

TI TI TI`S

*O Ministro Ricardo Salles, do Meio-Ambiente, acusa a Venezuela pelo óleo nas praias nordestinas. Provas não apresentou. Mas provas pra que? Como a Lava Jato no caso Lula, o Ministro tem convicção da culpa venezuelana;
*Soube que totalizam 16 os processos a que responde atualmente um ex-prefeito cajazeirense. A maioria deles por improbidade administrativa;
*A deputada Dra. Paula (PP) vai se submeter a dois procedimentos cirúrgicos em São Paulo e por isso está licenciada da Assembleia Legislativa;
*Ponto para o deputado Júnior Araújo (Avante) que nesta sexta-feira (25) comanda Audiência Pública da Assembleia Legislativa em Cajazeiras para discutir a revitalização do Açude Grande;
*Quem diria, hein, a Lava Jato pedindo ao TRF-4 a anulação da condenação de Lula no caso do sítio de Atibaia. Como dizia minha vó Arminda, “a mentira tem pernas curtas”;]
*Neste domingo (27) o deputado federal Wilson Santiago (PTB) é o entrevistado do TREM DAS ONZE!

Fernando Caldeira

Fernando Caldeira

Jornalista profissional em diversas emissoras de rádio e jornais da Paraíba, atualmente é articulista do Gazeta do Alto Piranhas (Cajazeiras), produtor e apresentador do programa Trem das Onze, apresentado aos domingos pela Rádio Alto Piranhas, colunista dos portais diariodosertão, politicapb, obeabadosertao, canalnoite, e mantém na internet o portal www.fernandocaldeira.com.br

Contato: caldeira.fernando@bol.com.br

Recomendado para você pelo google

VÍDEO

Governador rebate declaração de Gervásio Maia: “É mentira. A Cagepa vai continuar uma empresa pública”

ESPORTE E EDUCAÇÃO

VÍDEO: Colégio Nossa Senhora do Carmo, em Cajazeiras, encerra o ano letivo 2019 com Olimpíadas Internas

ORÇAMENTO DEMOCRÁTICO

VÍDEO: Conselheiros do OD se confraternizam em Cajazeiras e já iniciam debates sobre as ações para 2020

EDUCAÇÃO E EMPREGO

VÍDEO: Mensagem Empresarial recebe coordenadora e estudantes do Núcleo de Empregabilidade da FSM

Fernando Caldeira

Fernando Caldeira

Jornalista profissional em diversas emissoras de rádio e jornais da Paraíba, atualmente é articulista do Gazeta do Alto Piranhas (Cajazeiras), produtor e apresentador do programa Trem das Onze, apresentado aos domingos pela Rádio Alto Piranhas, colunista dos portais diariodosertão, politicapb, obeabadosertao, canalnoite, e mantém na internet o portal www.fernandocaldeira.com.br

Contato: caldeira.fernando@bol.com.br