header top bar

section content

Marcos do Riacho do Meio diz que petista que tem cargo e ‘juízo’ deve votar nos candidatos do prefeito

Vice-prefeito de Cajazeiras não seguirá alguns de seus companheiros de partido e deverá apoiar Aguinaldo Ribeiro como candidato a deputado federal neste ano

Por Jocivan Pinheiro

20/08/2018 às 13h55 • atualizado em 20/08/2018 às 14h04

Apesar de não ter confirmado, tudo leva a crer que o vice-prefeito de Cajazeiras, Marcos do Riacho do Meio, do PT, não vai seguir seus companheiros de partido e deverá mesmo apoiar Aguinaldo Ribeiro (PP) como candidato a deputado federal neste ano, uma demonstração de fidelidade à aliança feita com o prefeito José Aldemir.

Aguinaldo é o candidato apoiado pelo prefeito, que também é do PP e está orientando seu grupo a votar no companheiro de partido.

Porém, o racha entre alguns membros do PT de Cajazeiras e o prefeito José Aldemir já rendeu até a exoneração do professor José Maria Gurgel do cargo de secretário executivo municipal de Meio Ambiente. É que por não aceitar apoiar Aguinaldo Ribeiro, Gurgel deixou a secretaria.

Marcos do Riacho do Meio, por sua vez, deverá seguir a orientação do prefeito e votar em Aguinaldo. “Se você é grupo, se você tem cargo comissionada… Quem tem juízo, acho que vai acompanhar as orientações do prefeito”, disse o vice.

De cortador de cana a vice-prefeito, Marcos do Riacho do Meio fala sobre sucessão a José Aldemir

Vice-prefeito de Cajazeiras, Marcos do Riacho do Meio, e o prefeito José Aldemir

Para justificar o racha em Cajazeiras, Marcos recordou que o PT já enfrentou questões de ‘desobediência’ em outras ocasiões, como quando o deputado federal Luiz Couto não seguiu a orientação de Lula nas eleições para governador da Paraíba.

“Seria bom que a gente estivesse ligado ao PT da Paraíba, recebesse algum convite ou pelo menos um parabéns na hora de uma vitória”, declarou.

Apoios confirmados

Para a Assembleia Legislativa do Estado, Marcos do Riacho do Meio quer que o PT local apoie a candidatura da primeira-dama Paula Francinete. Para o Senado, o vice-prefeito revelou que votará em Luiz Couto. Já para presidente, seu voto será em Lula ou em qualquer candidato apontado pelo líder petista, caso a Justiça impugne sua candidatura.

DIÁRIO DO SERTÃO

VÍDEO: Psicologia no Ar recebe diretores e psicóloga de organização que promove cidadania em Cajazeiras

NOVIDADES

Xeque-Mate visita lançamento do novo plano da Eletrosorte, que firmou parceria com gigante dos seguros

FUTEBOL DE CAJAZEIRAS

VÍDEO: Dirigentes e ex-jogadores relembram histórias marcantes do Duque de Caxias, que completou 50 anos

VÍDEO: Programa de rádio que é sucesso na região de Campina fecha parceria com emissora de Cajazeiras