header top bar

section content

VÍDEO: Radialista diz que Dr. Bosco não define mais eleição em Uiraúna por causa do ‘dinheiro na cueca’

Para o radialista, o prefeito perdeu prestígio eleitoral após ser preso na operação Pés de Barro, quando foi flagrado colocando dinheiro de propina na cueca, segundo as investigações

Por Jocivan Pinheiro

09/07/2020 às 18h48 • atualizado em 09/07/2020 às 18h54

O radialista Abrantes Júnior, que foi cotado como um possível candidato a prefeito de Uiraúna na época em que ele trabalhava lá, declarou que o prefeito Bosco Fernandes não tem mais força política para definir campanha eleitoral no município.

Para Abrantes, o prefeito perdeu prestígio eleitoral após ser preso no âmbito da operação Pés de Barro, quando foi flagrado colocando dinheiro de propina na cueca, segundo as investigações.

“Quando você tem um apadrinhamento como Bosco, já não agrega tanto, já é pesado. Eu particularmente não queria associar minha imagem a um político que estava metendo a mão no dinheiro do povo e botando na cueca”, disse Abrantes Júnior.

VEJA TAMBÉM

Vereador do PSDB evita comentar sobre soltura do prefeito de Uiraúna: “Não quero me meter nisso”

Apesar do escândalo envolvendo Bosco Fernandes, o radialista concorda que o prefeito ainda detém uma importante fatia de eleitorado, sobretudo porque, segundo Abrantes Júnior, “o que predomina ali [em Uiraúna], por ser a terra dos médicos, é a caneta e o receituário”. Contudo, Abrantes mantém a opinião de que Bosco não define mais campanha porque a maior parte da população não quer votar em ‘quadrilha’.

“Ele ainda tem uma fatia política, por anos e anos de domínio político naquela cidade, mas ele não tem mais o poder de dizer ‘eu vou botar esse poste e vou eleger”, falou o radialista.

DIÁRIO DO SERTÃO

DECISÃO POLÊMICA

EXCLUSIVO: Padre excomungado pela Diocese de Cajazeiras revela por que trocou de Igreja Católica

ASSISTA

Médico revela que o único teste que detecta o novo coronavírus é o RT-PCR: “Já cansei de dizer aqui”

ÁGUA COM DONO?

VÍDEO: Gerente da Cagepa critica nova lei do saneamento de Bolsonaro e lamenta situação dos lixões

SURPREENDEU

VÍDEO: Vereador de Umari-CE pelo PT afirma que Bolsonaro mudou postura na pandemia após críticas

Recomendado pelo Google:
error: Alerta: Conteudo Protegido !!