header top bar

section content

Mulher mais velha de região sertaneja comemora 110 anos com festa da galinha pintadinha

Apesar da idade bem elevada, Nanoca nunca fez dieta, não aceita ajuda para as atividades do dia-a-dia e toma poucos medicamentos

Por Diário do Sertão com Diamante Online

23/04/2019 às 08h55 • atualizado em 23/04/2019 às 09h03

Com direito a um lindo bolo da “Galinha Pintadinha”, a centenária posou para fotos ao lado do seu filho-neto, o professor José Ricardo Pereira e família

A idosa Maria Pereira (Nanoca), comemorou seus 110 anos de vida no último sábado (20), na cidade de Curral Velho, no Sertão.

Considerada a mulher mais idosa no Vale do Piancó, a centenária nasceu no dia 19 de abril de 1909, dia de Santo Expedito, do qual é devota há muitos anos.

Com direito a uma linda festa  da “Galinha Pintadinha”, a idosa posou para fotos ao lado do seu filho-neto, o professor José Ricardo Pereira e família.

Dona Nanoca completou 110 anos de idade

Apesar da longa idade, Nanoca se alimenta do que deseja, nunca fez dieta, não aceita ajuda para as atividades do dia-a-dia e toma poucos medicamentos.

A idosa teve 5 filhos, de onde saíram dezenas de netos, bisnetos e tataranetos. Seus netos comemoram seu aniversário com temas infantis. No ano de 2018 a centenária ganhou um bolo com tema da boneca Barbie.

Em 2018 dona Nanoca ganhou bolo da Barbie

Fonte: Diário do Sertão com Diamante Online - https://www.diamanteonline.com.br/noticia/vale-do-pianco/2019/04/23/mulher-mais-velha-do-vale-do-pianc-comemora-110-anos-com-bolo-da-galinha-pintadinha/20552.html

Recomendado para você pelo google

EM CAJAZEIRAS

VÍDEO: Ciro diz que Ricardo ‘prejudicou-se na sucessão’, mas elogia Azevêdo: “Seria uma honra no PDT”

PREOCUPADO

VÍDEO: Na Semana dos Pobres, bispo de Cajazeiras diz que “pobreza se avoluma cada vez mais nas cidades”

A OBRA PAROU?

Ex-vereador denuncia que terminal rodoviário de Sousa está abandonado: “Prefeito Tyrone não está nem aí”

PROJETO DE LEI

VÍDEO: Comentarista diz que críticas ao leilão de imóveis da Prefeitura de Cajazeiras é ‘politicagem’