header top bar

section content

Triste: Justiça manda despejar 22 famílias no Sertão; Móveis e roupas ficaram na rua. Veja

A ação foi movida pela Construtora R Nasa, responsável pela construção das unidades habitacionais através do programa Minha Casa, Minha Vida do Governo Federal

Por

30/10/2015 às 11h00

Justiça manda despejar 22 famílias na cidade de Jericó

A juíza Izabelle Braga, substituta da 2ª Vara Mista da Comarca de Catolé do Rocha (PB), concedeu liminar nessa quinta-feira (29), autorizando a desocupação de 22 famílias que invadiram residências populares na cidade de Jericó. 

A ação foi movida pela Construtora R Nasa, responsável pela construção das unidades habitacionais através do programa 'Minha Casa, Minha Vida' do Governo Federal.

 

A desocupação foi acompanhada pela Tropa de Choque da Polícia Militar. A ocorrência transcorreu pacífica, mesmo mediante o sofrimento das famílias que tiveram que retirar todos os pertences do local.

Idosos e crianças pareciam sem acreditar no cenário, pois móveis, eletrodomésticos e roupas foram ‘jogados’ na rua.

A Prefeitura Municipal de Jericó divulgou nota à imprensa informando que atendeu chamado do Ministério Público, que solicitou solução cabível para o problema.

Jericó é localizado na microrregião de Catolé do Rocha, com 7.600 habitantes.

DIÁRIO DO SERTÃO com fotos do Catolé News

Tags:

Recomendado para você pelo google

EVANGÉLICO DE OPOSIÇÃO

VÍDEO: Pastor de Cajazeiras diz que Bolsonaro está destruindo o país e não levou facada: “Foi uma farsa”

EM SOUSA

Radialista revela que “vítima da mão pesada e dos chutes do prefeito Tyrone” disputará eleições em 2020

VÍDEO

Comandante do Corpo de Bombeiros aponta possíveis causas do incêndio no lixão de Cajazeiras

SAÚDE

VÍDEO: Programa Xeque Mate fala sobre a saúde de Cajazeiras e recebe popular e diretoras do HUJB e HRC