header top bar

section content

Mãe de bebê que morreu engasgado com leite no Sertão fala pela 1ª vez sobre o caso

O delegado José Pereira, da Polícia Civil em Itaporanga investiga o caso e o laudo da causa morte deve sair em 30 dias

Por

19/10/2015 às 16h18


 

A mãe de um bebê de três meses de idade que morreu durante a madrugada do domingo (11) no município de São José de Caiana, Sertão do Estado falou sobre o caso. Liliane Cardoso teve gêmeos, mas Samuel faleceu.

Segundo familiares, o bebê teria se engasgado com leite materno. A mãe revelou que deu banho, amamentou a criança e tirou a roupa do pequeno na noite que ele foi a óbito. “Ele tava suadinho, aí tirei a roupa dele dei de mamar e ele não arrotou. Dormiu nos meus braços”.

Veja mais!

?Bebê de três meses é enterrado no Dia das Crianças no Sertão; Ele teria se engasgado

A criança não chorou a noite toda e quando o esposo de Liliane chegou em casa, o casal percebeu algo estranho e foi ver o pequeno. “Meu marido botou ele no braço e disse cadê o menino de papai? Mas já estava morto”.

Investigação
O delegado José Pereira, da Polícia Civil em Itaporanga investiga o caso e o laudo da causa morte deve sair em 30 dias.

Pediatra
A pediatra Ana Daniela disse que a inexperiência da mãe pode ter influenciado. Ela orientou que após a amamentação a mãe não deite a criança antes do arroto. “O ideal é que a criança fique em pé de 20 a 30 minutos”.

DIÁRIO DO SERTÃO

Tags:

Recomendado para você pelo google

"QUER ENRICAR AINDA MAIS"

VÍDEO: Pastor de Cajazeiras diz que famoso bispo está vendendo imagens de deusa egípcia na igreja

FOGO NO LIXÃO

VÍDEO: Júnior Araújo denuncia fumaça que tomou conta de Cajazeiras e ataca prefeito Zé Aldemir

ENTREVISTA

Presidenta do Coren diz que enfermeiro pode ter clínica, luta pelo piso salarial e fala sobre concursos

POSSÍVEL CANDIDATO

VÍDEO: Ex-prefeito de Cachoeira dos Índios revela quais os ‘vices dos sonhos’ para sua chapa em 2020