header top bar

section content

VÍDEO: Prefeito de Bom Jesus faz análise dos 8 anos de gestão e das contas reprovadas pelo TCE

O prefeito afirmou que após assumir a prefeitura, a cidade se tornou conhecida nacionalmente e as contas foram reprovadas por displicência e negligência da contabilidade do município.

Por Juliana Santos

15/12/2020 às 15h44 • atualizado em 15/12/2020 às 15h50

O prefeito da cidade de Bom Jesus, na região de Cajazeiras, Sertão paraibano, concedeu entrevista nessa segunda-feira (14), no programa Olho Vivo da TV Diário do Sertão, para falar dos oito anos que passou a frente da prefeitura da cidade.

Para Roberto Bayma (PP), quando iniciou sua gestão em 2013, a cidade não tinha nome e a gestão foi focada para melhorar a qualidade de vida dos moradores da cidade. “O município hoje é conhecido nacionalmente, demos eloquência e representatividade graças ao povo de Bom Jesus”, afirmou o prefeito.

O político também falou do bom desempenho na área da educação, quando conseguiu atingir boas notas do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB), que de acordo com o prefeito, em 2016, o município atingiu a média de 4.5. Esse ano, a cidade de Bom Jesus também recebeu o selo da Unicef, por garantias aos direitos de crianças e adolescentes.

VEJA TAMBÉM

Ministério Público da Paraíba denuncia 22 prefeitos paraibanos por crime ambiental

Roberto Bayma, também falou sobre a prestação de contas do ano de 2018, que foi reprova pelo Tribunal do Contas, na última semana. De acordo, o prefeito a reprovação ocorreu devido um gasto com pneus para os ônibus escolares da cidade. “A prefeitura tem seis ônibus, e na prestação de contas está que em um ônibus foram gastos 21 ou 26 pneus, por displicência e negligência da contabilidade, que comprou pneus para todos os seis ônibus e faturou na placa de apenas um ônibus”, explicou.

O progressista disse ainda que vai a capital João Pessoa para dar entrada no recurso e pedir a reconsideração da contas reprovadas.

DIÁRIO DO SERTÃO

TUDO PASSA

VÍDEO: Psicólogo diz que a morte não precisa ser ligada apenas a dor, mas sim para dar sentido à vida

NADA SERÁ DESCARTADO

VÍDEO: Delegado fala sobre as investigações do roubo na residência de Carlinhos Paredão e Lívia Abreu

MOMENTO DELICADO

VÍDEO: Irmão de Carlinhos do Paredão diz que família está arrasada e pede ajuda para encontrar bens

HISTÓRIA DE SUPERAÇÃO

VÍDEO: Ciclista sousense que ficou paraplégico em acidente volta a pedalar em bike adaptada

Recomendado pelo Google:
error: Alerta: Conteudo Protegido !!