header top bar

section content

Em Sousa: médicos são ameaçados durante confusão em dois hospitais; três pessoas foram detidas pelo Bope

Todos os envolvidos foram encaminhados até a delegacia de Polícia Civil onde ficaram a disposição do delegado de plantão. Confira todos os detalhes!

Por

02/06/2015 às 08h37

Três pessoas foram detidas na noite da segunda-feira (01) após uma confusão no Hospital Regional de Sousa (HRS). Outro registro de ameaça contra médicos também aconteceu no Hospital Materno Infantil.

De acordo com informações da Polícia Militar, por volta das 19:40h  a polícia militar foi acionada para verificar uma ocorrência de ameaça contra um médico plantonista. Os policiais chegaram ao local e os funcionários da casa de saúde informaram que o esposo de uma mulher grávida exigia atendimento médico. O homem saiu do local e disse que iria pegar uma arma em casa para matar o médico. Os militares saíram em diligências, mas não conseguiram localizar o suspeito.

Por volta das 21:30h, familiares de uma paciente desacataram um dos médicos de plantão e ainda danificaram  uma das portas da casa do Hospital Regional de Sousa. Após a confusão, os suspeitos fugiram, no entanto, terminaram sendo detidas pelo Batalhão de Operações Especiais Policiais (Bope).

Todos os envolvidos foram encaminhados até a delegacia de Polícia Civil onde ficaram a disposição do delegado.

DIÁRIO DO SERTÃO

Tags:

Recomendado para você pelo google

PARAOLÍMPICOS

VÍDEO: Curso em Cajazeiras ajuda professores de Educação Física a trabalharem com alunos com deficiência

EMPRESA INVESTIGADA

VÍDEO: Após inquérito do MPPB, prefeito José Aldemir responde se ainda vai ter concurso em Cajazeiras

20ª EDIÇÃO DO EVENTO

VÍDEO: Com Felipão, Eduarda Brasil e muito mais, Cavalgada e Festa de Marimbas leva multidão a Cachoeira

DA CÂMARA AO INSS

VÍDEO: Grupo prepara manifestação pública nesta sexta, em Cajazeiras, contra a reforma da Previdência