header top bar

section content

GTE prende acusado de matar a própria esposa e jogar corpo no rio; vítima tinha um caso extraconjugal

De acordo com o delegado Charbel, Germano será autuado pela nova lei do Feminicídio que se refere ao homicídio qualificado de mulheres. Confira aqui!

Por

28/05/2015 às 17h38

O Grupo Tático da Polícia Civil de Cajazeiras prendeu nesta quinta-feira (28) na cidade de São José de Piranhas, o acusado Germano Augusto que, segundo informações da investigação, matou a própria esposa no sítio Logradouro, zona rural de Aguiar, no Vale do Piancó.

De acordo com a polícia, o fato ocorreu no dia 10 de maio deste ano. Após matar Maria das Graças Soares, Germano jogou o corpo em um açude. O crime pode ter sido motivado por ciúmes, pois, a vítima mantinha um caso amoroso com um indivíduo da cidade de Coremas.

Para a investigação, a vítima foi assassinada dentro de casa e o corpo foi conduzido em uma carroça até o açude.

O crime foi desvendado por vários agentes de investigação de Cajazeiras, sob o comando do delegado Danilo Charbel de São João do Rio do Peixe

De acordo com o delegado Charbel, Germano será autuado pela nova lei do Feminicídio que se refere ao homicídio qualificado de mulheres.

Assista a reportagem completa da TV Diário do Sertão

DIÁRIO DO SERTÃO 

Tags:
ESTÁ NA CAPITAL DESDE 2015

EXCLUSIVO: Após três anos, lendário padre de Cajazeiras revela o que motivou sua ida para João Pessoa

AMOR E FÉ

ESPECIAL DE FÉRIAS: Crianças e adolescentes de Cajazeiras e Sousa abrilhantam programa na TV Diário

AUXILIAR DO TROVÃO

VÍDEO: Agora no Atlético-PB, ex-jogador do Corinthians está confiante em vaga no Brasileirão da Série D

SAÚDE & BEM-ESTAR

VÍDEO: Médico alerta para consequências do uso excessivo de alguns medicamentos no aparelho digestivo