header top bar

section content

Operação da Polícia Civil prende 14 pessoas na PB e no PE; delegado diz que droga era distribuída no Sertão

No total, 14 pessoas haviam sido detidas. O dono de uma casa lotérica da cidade de São Bentinho foi detido em João Pessoa. Confira os detalhes aqui

Por

18/10/2014 às 09h32

A Polícia Civil realizou na manhã da última sexta-feira (17) uma Operação nos municípios de São José do Egito, Santa Terezinha e Tuparetama, no Sertão de Pernambuco,além de Imaculada, Ouro Velho, Pombal, Congo e João Pessoa, na Paraíba.

De acordo com o delegado Ubiratan Rocha Fernandes, que comanda a ação, o objetivo foi prender suspeitos de tráfico de drogas e associados ao tráfico, de assaltos e envolvidos com o comércio ilegal de arma de fogo.

Ainda segundo o delegado, aproximadamente 240 policiais, entre civis e militares  participaram da operação.

O delegado informou também que as investigações iniciaram há seis meses e que os mandados foram expedidos pelo Juízo de Direito da Vara Criminal da Comarca de São José do Egito.

No total, 14 pessoas haviam sido detidas. O dono de uma casa lotérica da cidade de São Bentinho foi detido em João Pessoa.

Segundo o delegado Sylvio Rabello, o empresário Gledson Perdival de Moura, 43 anos, é apontado como o chefe da distribuição de drogas na região do Sertão dos dois estados. 

“O Gledson, que foi preso num apartamento no bairro do Bessa, em João Pessoa, chefiava a ação criminosa de distribuição de drogas no Sertão da Paraíba e Pernambuco. Ele sempre viajada para outros estados como São Paulo e Rio de Janeiro para comprar drogas, que estava sendo enviada pelos Correios. Descobrimos a quadrilha, quando prendemos um grupo especializado em tráfico de drogas no Sertão, durante a 'Operação Tempestade'. A Polícia Civil de Pernambuco também estava monitorando a quadrilha”, confirmou o delegado.

Sylvio informou que além de Gledson, a polícia prendeu em Pombal a sua esposa, além de dois mandados dentro da cadeia pública de Pombal, onde dois apenados também integravam a quadrilha de traficantes, Preto do SAMU e João Sapateiro.

A mulher detida em Pombal, foi encaminhada para Pernambuco, mas foi liberada ainda nesta sexta-feira após a polícia entender que ela não teria envolvimento com o tráfico, mas apenas seu marido.

Ouça abaixo!

?DIÁRIO DO SERTÃO

Tags:
YOUTUBER DE CAJAZEIRAS

VÍDEO: Léo Abreu revela em quais profissões podemos encontrar psicopatas

ESPERANÇA NA POLÍTICA!

VÍDEO: Pastor evangélico fala sobre Bolsonaro: “Ele incorporou o que a sociedade acredita: a família”

ASSISTA!

Arquitetura, urbanismo e direitos humanos marcaram último episódio da temporada do Coisas de Cajazeiras

VÍDEO

Comemorando o dia dos Direitos Humanos, professor fala sobre os avanços da data no Diversidade em Foco