header top bar

section content

ESSA É BOA: Dicas para levar o pet para passear mesmo quando está chovendo

É claro que isso é uma brincadeira, mas é bem verdade que os cães adoram passear e, ao menor sinal de que os donos estão pegando a coleira, eles ficam super agitados.

Por Link Building Assistant

28/06/2019 às 14h09 • atualizado em 28/06/2019 às 14h20

Dicas para levar o pet para passear mesmo quando está chovendo

Há uma lenda urbana que afirma que se um pai ou mãe de pet, chacoalhar uma coleira 3 vezes na frente de um espelho falando as palavras mágicas “vamos passear”, um cãozinho desesperado aparece instantaneamente pulando e latindo.

É claro que isso é uma brincadeira, mas é bem verdade que os cães adoram passear e, ao menor sinal de que os donos estão pegando a coleira, eles ficam super agitados. Alguns podem pular e latir, o que é uma boa expressão de felicidade para eles.

Também pudera, os passeios, além de serem o momento em que eles fazem as necessidades fisiológicas, também são uma das principais formas de socialização dos bichos.

Mas e quando está chovendo? Além da capa de chuva pet, há outras medidas que o tutor pode adotar para levar os cãezinhos para passear mesmo quando o tempo está instável.

Quanto de passeio por dia

Bem, para definir o quanto de passeio por dia o seu animalzinho precisa é necessário se atentar a algumas características da raça e, mais especificamente, ao comportamento do próprio pet.

Os veterinários sempre alertam que existem algumas raças que são mais impacientes e estressadas. E, por essas características, elas acabam precisando de passeios mais demorados e intensos. Se isso não acontece, elas tendem a descontar a energia em algo que encontram dentro da própria casa.

Ou seja, os cães que não conseguem gastar toda a energia em passeios podem acabar destruindo móveis, roupas, chinelos e tênis, por exemplo. Antes de puni-los, o tutor deve verificar se os passeios estão sendo insuficientes.

Recomendação geral de tempo

Apesar de variar muito a quantidade de caminhada necessária para cada raça, muitos veterinários recomendam 2 passeios diários para os cães, um de manhã e outro no fim da tarde, começo de noite.

De meia hora a quarenta minutos é um tempo adequado para as atividades ao ar livre. É claro que se o seu cãozinho for mais idoso, ele, com certeza, deve demonstrar sinais de cansaço com menos tempo, por isso, respeite os limites do pet e não force uma caminhada mais longa.

Passeio em dia de chuva

Está chovendo, nublado ou com tempo instável e seu cachorro está lá, te encarando com aqueles olhinhos pidões, certo? E, por mais que o tutor tente ignorar, há muitos pets não abrem mão do passeio e insistem até o que dono os levem para um passeio.

No entanto, há sempre o receio de que eles fiquem doentes por causa da chuva e do frio. Pois saiba que o mercado já tem apresentado algumas soluções práticas para as instabilidades climáticas.

Capinha de chuva

Já é possível encontrar, por exemplo, capinhas de chuva para os cães, ideal para os dias de garoa ou chuvinha mais intensa. Os tamanhos mais comuns são para cães de pequeno e médio porte.

Se o seu dog é de grande porte, talvez seja o caso de você mandar fazer a peça sob medida. Escolha um tecido maleável e um corte que não afete a mobilidade do pet.

Guarda-chuva

Outra boa solução para manter o passeio no cronograma mesmo com a instabilidade climática é comprar um guarda-chuva tamanho família, daqueles que lembram o guarda-sol de praia.

Neste caso, o seu pet consegue andar junto de você mesmo na chuva e, com isso, não fica tão molhado.

Esta dica é mais recomendada para cães que não são tão baixinhos. Um pinscher, por exemplo, pode ficar mais molhado só com o guarda-chuva e, neste caso, é preferível comprar uma capinha de chuva.

Moletom canino

E, se estiver um frio mais intenso, saiba que também é possível equipar os cães com um moletom canino. Esta peça é, basicamente, uma roupinha de tecido mais reforçado. Alguns modelos podem ter até gorrinho para proteger a região da orelha e dos olhos.

Agora que você já sabe algumas dicas para levar o seu pet para passear mesmo quando está chovendo, não se esqueça de levá-los em uma coleira. Mesmo que seu pet obedeça aos comandos, é muito importante mantê-los sim na coleira para que eles não fujam ou não corram para áreas de risco, como o asfalto.

Além disso, não se esqueça de recolher as fezes do seu cãozinho, pois todos sabemos que não há nada mais desagradável do que o dono de uma casa ou o funcionário de um prédio ter que recolher as fezes de um cachorro que não é dele.

Recomendado para você pelo google

MAIS EDUCAÇÃO

VÍDEO: No 2º dia da Mostra de Conhecimentos do N. S. do Carmo, alunos se destacam em temáticas diversas

EM CAJAZEIRAS

VÍDEO: No Mês da Black Friday, concessionária Brazauto oferece preços e formas de pagamento especiais

VÍDEO

Vereador lamenta falta de doação ao Hospital Laureano e acusa prefeito de Pombal: “Virou as costas”

TROVÃO NO BRASILEIRÃO

VÍDEO: Prefeito se compromete a patrocinar o Atlético de Cajazeiras com R$ 20 mil mensais em 2020