header top bar

section content

Em post, secretário levanta suspeita sobre incitação à violência por parte de políticos, na PB

Sem citar nomes, o auxiliar do governo Ricardo Coutinho disse ter a impressão de que parte dos políticos de oposição estão tentando usar os policiais para fazer “politicagem”

Por Ana Maria

09/02/2017 às 16h02 • atualizado em 09/02/2017 às 16h08

Foto: PB Agora

O secretário de Comunicação Institucional do Governo da Paraíba, Luís Tôrres utilizou sua conta na rede social Twitter, nesta quinta-feira (09) e levantou a suspeita sobre a incitação à violência na Paraíba, por parte de alguns agentes políticos do Estado.

Sem citar nomes, o auxiliar do governo Ricardo Coutinho disse ter a impressão de que parte dos políticos de oposição estão tentando usar os policiais para fazer “politicagem”.

“É impressão minha ou têm alguns poucos políticos incitando a violência na Paraíba? Querendo usar as polícias como instrumento político”, postou.

As suspeitas começaram a surgir nas redes sociais depois que foi comprovado que a presidente da Associação das Mulheres, Mães e Pensionistas dos Policiais e Bombeiros Militares da Paraíba (Assemp), Zoraide Gouveia, que está fazendo a convocação das esposas dos militares, é correligionária dos tucanos na Paraíba.

Ela, inclusive, foi candidata a vereadora nas eleições 2016, em Campina Grande, na chapa do prefeito Romero Rodrigues (PSDB).

Disse ela, em entrevista: “Não tenham dúvida de que vamos pra rua se houver uma decisão de assembleia nesse sentido, ou seja, para que os familiares dos PMs façam um movimento semelhante àquele que desde sábado paralisou por completo a Polícia Militar em Vitória (ES) e em todo o interior daquele Estado”, avisou. Luís Tôrres finaliza os posts alfinetando a atuação daqueles que passaram pela gestão estadual, mas não conseguiram mostrar trabalho.

Foto: PB Agora

Foto: PB Agora

Foto: PB Agora

Foto: PB Agora

Foto: PB Agora

Foto: PB Agora

PB Agora

Recomendado para você pelo google

VISTANDO SUA TERRA NATAL

Heron Cid defende centro universitário em Marizópolis e ponto de intersecção entre Sousa e Cajazeiras

BOA NOTÍCIA

Hospital Universitário de Cajazeiras passa a oferecer novos serviços para a população do Alto Sertão

REVOLTA

VÍDEO: ‘Só quem odeia Lula o quer preso, como se ele fosse um bandido perigoso’, diz jornalista

VÍDEO

“Sou liderança forte, mas estou abandonado”, declarou Gobira ao vivo sobre grupo de Carlos Antonio