header top bar

section content

Padre questiona passividade do povo diante das ameaças aos direitos trabalhistas no governo Temer

O sacerdote faz um desabafo ao comentar sobre a crise social cada vez mais agravada, segundo ele, pelo governo do presidente Michel Temer

Por Jocivan Pinheiro

16/02/2017 às 21h33

Padre Francivaldo faz um desabafo em tom de revolta e decepção, no Direto ao Ponto dessa semana, ao comentar sobre a crise social cada vez mais agravada, segundo ele, pelo governo do presidente Michel Temer (PMDB) através das várias propostas de emendas à constituição que ameaçam direitos trabalhistas conquistados a duras penas após décadas de luta. O sacerdote também questionou a passividade de grande parte a população brasileira diante da situação.

DIÁRIO DO SERTÃO

DÍVIDAS ALTAS

EXCLUSIVO: Juiz se pronuncia sobre processo trabalhista que pode tirar Atlético do Campeonato Paraibano

FUTEBOL

VÍDEO: Diário Esportivo traz resumo da 2ª rodada do Paraibano e detalhes da nova contratação do Atlético

COM CHICO CARDOSO

VÍDEO: ‘Briga’ entre Zé Aldemir e Airton, e Tyrone com os Gadelhas são os destaques do Direto ao Ponto

PROGRAMA XEQUE-MATE

VÍDEO: Advogadas tiram dúvidas sobre Previdência Social e criticam atendimento no INSS de Cajazeiras