header top bar

section content

Trovões subterrâneos botam medo em população

Estrondos subterrâneos próximos ao Município de Luís Gomes está deixando população preocupada. Moradores da região garantem que ruídos são semelhantes a trovões. Segundo professor de Geografia da Uern, é preciso investigar para saber a real causa e intensidade do fenômeno. O epicentro dos estrondos é o Sítio Araras, localizado a cerca de 10Km da sede […]

Por

10/11/2007 às 09h50

Estrondos subterrâneos próximos ao Município de Luís Gomes está deixando população preocupada. Moradores da região garantem que ruídos são semelhantes a trovões. Segundo professor de Geografia da Uern, é preciso investigar para saber a real causa e intensidade do fenômeno.

O epicentro dos estrondos é o Sítio Araras, localizado a cerca de 10Km da sede do município, que é cercado por dezenas de serrotes, sendo alguns deles compostos de pura pedra rocha. O professor Mestre José Romero de Araújo Cardoso afirmou que o fenômeno pode estar acontecendo em virtude da acomodação do terreno, que é situado sobre a falha geológica de Portalegre.

"A terra é submetida a movimentos tectônicos endógenos e estes agem sobre a falha geológica, o atrito provoca os estrondos. Mas é preciso investigar o terreno. O ideal seria que uma equipe de geólogos com equipamentos modernos como espectográficos ou mesmo o cismógrafo para medirem intensidade do fenômeno e o que realmente tem causado o fenômeno. Até agora nenhuma equipe se interessou em estudar o local", explica o mestre Romero Cardoso.

O professor disse ser pouco provável a hipótese de que os estrondos estejam sendo provocados por escape de alguma concentração de gás natural na região. "É preciso observar em primeiro lugar toda estatura geológica da área, saber se não tem contato com estruturas da bacia potiguar, o que acho não muito provável, não obstante a região está próxima de duas áreas cretáceas, a daqui e a da região do rio do peixe, mas o caso é interessante, tem que saber do pessoal se eles sentiram algum cheiro estranho, etc".

No início deste mês, os moradores testemunharam, mais uma vez, a ocorrência do fenômeno. Segundo o senhor Francisco da Silva, 62, ele foi o primeiro a escutar o barulho e alertou os demais presentes que a partir daí fizeram silêncio e escutaram o segundo estrondo que chegou a piscar as luzes dos postes. Ele afirmou que já tinha ouvido algo parecido no ano de 1966, quando foram registrados alguns tremores de terra na cidade de Pereiro/CE, um município que fica há cerca de cem quilômetros do sítio Arara. 

NARA ANDRADE
Correio da Tarde (Mossoró)

Tags:
CAMPOS IDEOLÓGICOS

VÍDEO: Enquete online do Diário do Sertão mostra que a maioria tem preferência política pela esquerda

TIRO NO PÉ

VÍDEO: Bolsonaro diz que o brasileiro vivia melhor no tempo de Lula, mas ataca gestão do ex-presidente

AUTORA EVANGÉLICA

VÍDEO: Missionária lança seu primeiro livro em Cajazeiras: “Santificação é um processo progressivo”

IDENTIFICADOS

VÍDEO: Suspeitos mortos em confronto com a polícia após ataque a carro-forte são da região de Sousa

Recomendado pelo Google: