header top bar

section content

Raimundo Lira vota a favor de projeto que presta homenagem a Ariano Suassuna no Sistema Adutor do Pajeú

Raimundo Lira considerou justa a homenagem prestada pelo Senado ao romancista Ariano Suassuna.

Por Luzia de Sousa

07/04/2016 às 07h54

Raimundo Lira, Senador da Paraíba. Confira!

O senador Raimundo Lira (PMDB-PB) participou de reunião da Comissão de Educação, Cultura e Esporte – CE, na qual ajudou a aprovar o Projeto de Lei do Senado – PLS 339/15 denominando “Adutora Ariano Suassuna” o Sistema Adutor do Pajeú. Segundo Lira, os estados da Paraíba e Pernambuco sentem-se honrados em prestar tão justa homenagem ao ilustre paraibano Ariano Suassuna.

A reunião contou com a presença do ex-ministro da Integração Nacional Fernando Bezerra, autor do projeto, que inclusive fez questão de agradecer o apoio de Raimundo Lira na aprovação da matéria.

“Participei da reunião da Comissão de Educação, Cultura e Esporte onde ajudei a aprovar o PLS 339/15 denominando ‘Adutora Ariano Suassuna’ o Sistema Adutor do Pajeú. Os estados da Paraíba e Pernambuco sente-se honrados em prestar tão justa homenagem ao ilustre paraibano/pernambucano Ariano Suassuna”, afirmou o parlamentar peemedebista.

Raimundo Lira considerou justa a homenagem prestada pelo Senado ao romancista Ariano Suassuna. O Sistema Adutor do Pajeú é um complexo de abastecimento de água que beneficiará mais de 400 mil habitantes em 29 municípios de Pernambuco e da Paraíba. O Projeto, aprovado com voto de Lira, foi analisado em caráter terminativo.

Segundo Bezerra, a homenagem é justa porque abrange os dois estados de origem de Suassuana: a Paraíba, onde o dramaturgo nasceu, e Pernambuco, onde viveu a maior parte de seus 87 anos. O projeto seguirá para análise da Câmara dos Deputados.

Ariano Suassuna – Advogado, professor, teatrólogo e romancista, Ariano Suassuna é reconhecido mundialmente por suas obras, como Auto da Compadecida, O Romance d’A Pedra do Reino e o Príncipe do Sangue do Vai-e-Volta. Idealizador do Movimento Armorial – iniciativa artística com objetivo de criar arte erudita a partir de elementos da cultura popular nordestina – foi um dos principais defensores do Nordeste brasileiro.

Falecido em 23 de julho de 2014, foi o sexto ocupante da cadeira número 32 da Academia Brasileira de Letras.

Assessoria de Imprensa

Recomendado para você pelo google

SUCESSO

VÍDEO: Programa Acústico Diário recebe o cantor cajazeirense Fabinho Mendes

VÍDEO

Corpo jovem desaparecida é encontrado em avançado estado de decomposição; amiga fala da relação com o ex

AO VIVO

ESPECIAL: Sessão da Assembleia Legislativa do Estado da Paraíba em Cajazeiras – 156 anos

VÍDEO

Em entrevista no Sertão, presidente da Assembleia revela distanciamento entre Ricardo e João Azevêdo