header top bar

section content

Advogado confessa que Zé Aldemir tem medo de herdar salários atrasados de Denise

Até o final da sua gestão, a prefeita Denise Albuquerque ainda tem quatro folhas salariais para pagar

Por Jocivan Pinheiro

20/10/2016 às 14h40 • atualizado em 20/10/2016 às 14h54

A equipe responsável pela transição de governo da parte do prefeito eleito de Cajazeiras José Aldemir Meireles (PP) está temerosa de que, assim como aconteceu em outras transições recentes, o novo prefeito acabe herdando salários atrasados da gestão municipal que está saindo.

Zé Aldemir anuncia conquistas para Cajazeiras

Prefeito eleito José Aldemir Meireles

Quem admitiu esse temor foi o advogado Adjamilton Pereira, que cuida da assessoria jurídica de Zé Aldemir no processo de transição. Tomando como exemplo os ex-prefeitos Carlos Antônio e Carlos Rafael, que deixaram salários atrasados e até hoje os processos tramitam na Justiça, Adjamilton confessou que o prefeito eleito teme que isso aconteça.

“O servidor público municipal tem que ser prioridade de qualquer gestão, e a gente está preocupado com a situação que o novo governo vai encontrar”, declarou o advogado.

VEJA TAMBÉM

José Aldemir se reúne com senador Deca para tratar de emendas para Cajazeiras

José Aldemir se reúne com ministro para pedir implantação de UTI neonatal em Cajazeiras

Até o final da sua gestão, a prefeita Denise Albuquerque (PSB) ainda tem quatro folhas salariais para dar conta (outubro, novembro, dezembro e o 13º salário). Nas vezes em que foi questionada sobre o histórico de salários atrasados durante processos de transição de outros prefeitos em Cajazeiras, Denise garantiu que com ela será diferente, que vai continuar priorizando o pagamento em dia até o fim.

Transição tranquila

Para realizar o processo de transição de governo, as equipes de Denise e de Zé Aldemir estão se reunindo todas as terças-feiras. Até agora apenas uma reunião aconteceu e tudo ocorreu de maneira harmoniosa, segundo Adjamilton.

“Pela conversa primeira que houve com os representantes do atual governo, não haverá problemas porque existe uma intenção de que a disponibilidade da atual prefeita é repassar as informações na medida em que forem solicitadas. A gente espera que essa intenção prossiga até o final e que Zé Aldemir não tenha nenhum problema para receber as informações dessa gestão”, disse.

DIÁRIO DO SERTÃO

ORÇAMENTO DEMOCRÁTICO ESTADUAL

VÍDEO: Durante ODE, Governo destaca recursos de R$ 297 milhões nas regiões de Catolé, Princesa e Pombal

NO SOL

VÍDEO: Em Sousa, mototaxistas falam sobre corte de árvore no HRS e fazem apelo à prefeitura: “A gente não tem pele de morcego”

FATOR PSICOLÓGICO

VÍDEO: Delegada usa exemplo do caso DJ Ivis e explica o porquê de mulheres não denunciarem agressores

ELEIÇÕES EM SOUSA

EXCLUSIVO: Leonardo revela seu apoio para federal, nega racha com André e comenta saída de Myriam do PSC

Recomendado pelo Google:
error: Alerta: Conteudo Protegido !!