header top bar

section content

Bradesco já realizou cadastramento de 44% dos servidores estaduais; Clientes criticam Banco do Brasil

Os recadastramentos são necessários por causa da mudança no banco responsável pelo processamento da folha de pagamento dos servidores.

Por Luzia de Sousa

16/11/2017 às 11h48

Bradesco já realizou cadastramento de 44% dos servidores

Até a quarta-feira (15), 44% dos servidores estaduais da Paraíba já haviam realizado o recadastramento e a formalização das contas-salário. O número representa cerca de 55 mil dos 123 mil funcionários. As informações foram repassadas pela assessoria de comunicação do Bradesco no estado. Nesta quinta-feira (16) e sexta (17), acontece o atendimento a servidores com nomes iniciados com as letra K e L.

Os recadastramentos são necessários por causa da mudança no banco responsável pelo processamento da folha de pagamento dos servidores, que está passando para o Bradesco. Apesar desta conta, os servidores também podem solicitar a portabilidade e passar a receber o salário em qualquer outra conta de outro banco, inclusive a que recebe o salário atualmente. Segundo a assessoria do Bradesco, 90% dos servidores atendidos até a quarta-feira optaram por usar a conta no próprio banco.

Os funcionários do Estado podem procurar as unidades especiais em João Pessoa e em Campina Grande das 7h às 19h. Em João Pessoa, o atendimento ocorre no Espaço Cultural, na Rua Abdias Gomes de Almeida 800, em Tambauzinho, e no Centro Administrativo, Avenida João da Mata, em Jaguaribe.

Já em Campina Grande, os servidores serão atendidos no Hotel Garden, localizado na Rua Engenheiro José Bezerra 400, Mirante, e no Hospital de Trauma, na Rua Marechal Floriano Peixoto 4700, Malvinas.
O servidor pode confirmar o dia exato em que vai ser atendido por meio da internet ou pela central de atendimento gratuita. Os telefones são 3003-0330 (Regiões Metropolitanas) ou 0800 208 0330 (demais regiões). Os dias seguintes seguirão o calendário programado pelo banco. Os servidores serão recebidos por ordem alfabética até o dia 30 de novembro.

Documentação
No momento do atendimento, o servidor deve apresentar os documentos solicitados. São eles: RG, CPF, contra-cheque e comprovante de residência. Os servidores estão passando por uma triagem e são encaminhados para o gerente abrir a conta. No momento, ainda vão receber um treinamento sobre o uso do aplicativo do banco e já poderão sair com o cartão na mão e a biometria feita.

Clientes reclamam da falta de apoio no BB
No Banco do Brasil a situação é um pouco diferente, cliente reclamam da falta de atenção e apoio dos gerentes e dizem que o serviço bancário não é satisfatório.

Um desses relatos é do jornalista esportivo, Professor União, que garantiu que a troca de bandeira bancária foi a melhor opção tomada por ele em muitos anos.

União conta que estava há mais de 20 anos como cliente do BB e que nunca recebeu sequer um telefonema do gerente, não conseguia aprovar créditos e empréstimos e que a assistência para negócios era pífia.

Panorama bem diferente do que ele diz ter encontrado no Bradesco. Segundo União, em poucos dias ele já conseguiu vantagens e benefícios que não estavam acessíveis durante as duas últimas décadas.

Do Polêmica PB

Recomendado para você pelo google

VÍDEO

Capitão da PM conta que vítima de tiros em Cajazeiras fez revelação sobre crime antes de morrer

VÍDEO

No Sertão, Ricardo Coutinho rebate presidente da assembleia e manda recado duro para governador da PB

SAÚDE PÚBLICA

VÍDEO: Mensagem Empresarial recebe especialista em saúde pública e fala de práticas integrativas do SUS

DESCONTRAÇÃO

VÍDEO: Sucesso na internet, Gleyfy Brauly e MC Nem animam o programa Xeque Mate dessa semana