header top bar

section content

Em 113 cidades do Ceará, chuvas registram mais de 100 milímetros e deixa hospital alagado no interior

A chuva causou transtornos em diversas cidades do Ceará

Por G1 do CE

16/02/2018 às 08h16

Choveu em 24 cidades da Região do Cariri. Em Juazeiro do Norte houve precipitação de 12 milímetros (Foto: TV Verdes Mares/Reprodução)

Pelo menos 113 cidades do Ceará registraram chuvas, segundo balanço da Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme) relativo ao período entre 7h desta terça-feira (13) e 7h desta quarta-feira (14).

As duas regiões que mais receberam precipitações foram a Região do Cariri e Sertão Central e Inhamuns. No Cariri choveu em 24 cidades, já nos Inhamuns 21.

Na Região do Cariri maior chuva aconteceu em Porteiras com 48,0 milímetros. Já no Sertão dos Inhamuns ocorreu em Tauá com 57,4 milímetros.

Entre a manhã de quarta (14) e as 7h desta quinta-feira (15), se registrou mais um dia com chuvas acima de 100 milímetros, , segundo dados da Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme).

Com 131 milímetros, São Luís do Curu registrou a maior precipitação entre os 157 municípios que tiveram chuva durante o período de 24 h, conforme boletim de 12h10.

Conforme a chefe do núcleo de meteorologia da Funceme, Meiry Sakamoto, fevereiro acumula 73% da média história esperada para o mês.

“Teve chuva durante a madrugada no estado como um todo, inclusive na região do Cariri. Mas as maiores nuvens se concentraram no litoral de Fortaleza. O que está provocando esta chuva é a zona de convergência tropical, que tem trazido essas chuvas boas desde o carnaval para o nosso estado”, comentou.

São Luís do Curu teve a terceira maior chuva do ano no Ceará. A cidade ficou atrás de Maurití, com 150 mm, e Morrinhos, com 132.

A chuva também causou transtornos em diversas cidades do Ceará. Em Nova Russas, o prédio do hospital municipal José Gonçalves Rosa ficou alagado. A água desceu pelas paredes e pelo teto da unidade e alagou as enfermarias.

A Prefeitura de Nova Russas informou, por meio de nota, que o hospital precisa passar por uma reforma par solucionar o problema. A prefeitura acrescentou que estará disponibilizando uma equipe técnica realizar reparos emergenciais necessários na unidade.

“Devido a estrutura do prédio do hospital há muito tempo não sofrer reformas em sua estrutura física, a força da água fez com que ocorresse infiltração em uma enfermaria. O fato real é que o prédio que abriga o Hospital Municipal de Nova Russas precisa de uma reforma grandiosa que só será permitida quando o município adquirir legalmente a posse do prédio, que está em andamento”, comunicou.

Na Quarta-feira de Cinzas a chuva forte fez a Bica do Picu voltar a jorrar, atraindo turistas e moradores locais até a atração natural. As ruas de Ipu também ficaram alagadas.

Fonte: G1 do CE - https://g1.globo.com/ce/ceara/noticia/ceara-tem-chuvas-acima-de-100-milimetros-hospital-fica-alagado-no-interior.ghtml

"AQUI NESSA MESA DE BAR"

VÍDEO: Homenagem a garçons de Cajazeiras no programa Xeque-Mate tem música, drinks e boas histórias

SAÚDE E BEM-ESTAR

VÍDEO: Sangramento nas regiões do reto e do ânus pode ser sinal de doença grave, avisa médico

APOIO DE CRAQUE

VÍDEO: Embaixador do Campeonato Paraibano, Hulk diz que está à disposição para ajudar clubes do Sertão

COMISSÃO DE DIREITOS HUMANOS

VÍDEO: Para advogado da OAB de Cajazeiras, investir em presídios e não em escolas é ‘enxugar gelo’