header top bar

section content

GRAVÍSSIMO: Artistas se unem em show para arrecadar recursos para Allan Rosa em Monte Horebe

O estado clínico de Allan Rosa continua grave, pois o artista precisa de tratamento urgente, que custa muito caro.

Por Luzia de Sousa

20/03/2018 às 15h47 • atualizado em 20/03/2018 às 15h49

Allan Rosa é escultor de areia junto com o irmão de criação Márcio Santhos (Foto: Arquivo pessoal)

O show beneficente promovido pela sociedade de Monte Horebe, Sertão do Estado, para ajudar no tratamento do escultor e artista plástico Allan Rosa, da dupla “Os Meninos de Areia” acontece nessa sexta-feira (23), a partir das 18h, no Paço Municipal. Ele foi diagnosticado com um tumor na cabeça e está internado no Complexo Hospitalar Clementino Fraga, em João Pessoa.

SAIBA MAIS!

+ É GRAVÍSSIMO CASO DE ALLAN: 20 artista da região de Cajazeiras fazem show solidário para ajudar talento

NÃO DEIXE O ARTISTA MORRER: Irmão pede ajuda para salvar vida de Allan dos Meninos de Areia

De acordo com o irmão de criação do artista, Márcio Santhos, o show acontece para ajudar a custear um tratamento particular para ele, que em pressa em iniciar a recuperação.

O show #TodosporAllan conta com a participação de mais de trinta artistas locais e regionais. Além disso, o evento ainda vai realizar um bingo com prêmios como celular e bicicleta. A cartela custa R$ 5.

Para ajudar no tratamento de Allan, acesse e faça sua doação!

Você pode entrar em contato através do telefone (83) 9.9687-6624 ou ainda fazer sua doação através da CONTA CORRENTE DA CAIXA ECONÔMICA 028360-0, AGÊNCIA 035 e CONTA CORRENTE DO BANCO DO BRASIL 222653-7, AGÊNCIA 3396-0.

Reveja a entrevista do irmão de Allan à TV Diário do Sertão!

Entenda
Segundo Márcio, Allan começou a sentir fortes dores de cabeça no réveillon, mas o quadro piorou dias depois que a dupla saiu da cidade do Conde, onde estava com uma escultura, e viajou para Cajazeiras, no Sertão paraibano.

“Sempre que ele tinha uma crise, a gente ia no hospital, onde ele era medicado e depois passava a dor, mas sempre voltavam mais forte. Ficávamos nesse processo, só que depois dessa apresentação em Cajazeiras, ele teve uma dor muito forte e voltamos correndo para João Pessoa”, explicou.

Allan Rosa, de 28 anos, deu entrada no Hospital de Emergência e Trauma de João Pessoa com um quadro de convulsão. Após alguns exames, os médicos confirmaram o diagnóstico de que havia um tumor por baixo do cérebro. Depois ele precisou ser transferido para o Clementino Fraga após os médicos identificarem uma infecção no cérebro.

Márcio e Allan são irmãos de criação e há 15 anos transformam areia e água em obras de arte que já repercutiram por boa parte do mundo.

VÍDEO

Jovem jornalista estreia programa na TV e conta tudo sobre o Atlético de Cajazeiras no Paraibano 2019

PRATICIDADE NA FISCALIZAÇÃO

VÍDEO: TCE-PB inaugura espaço digital público para ideias tecnológicas de controle dos atos públicos

GRUPOS SE ENFRENTAM NA 1ª FASE

VÍDEO: Dirigentes do Sertão comentam sorteio do Paraibano 2019. Atlético enfrentará o ‘grupo da morte’

ASSISTA!

Imagens de câmeras de segurança mostram assalto a comerciante em frente a banco na cidade de Patos