header top bar

section content

OAB de Cajazeiras participa de ação para assegurar o direito à prioridade no atendimento dos autistas

Estabelecimentos públicos e privados deverão afixar placas com símbolo mundial do autismo

Por Jocivan Pinheiro

28/07/2018 às 18h40 • atualizado em 28/07/2018 às 18h47

Estabelecimentos públicos e privados deverão afixar placas com símbolo mundial do autismo

A Comissão de Direito do Consumidor da OAB de Cajazeiras, representada por seu presidente Lívio Augusto, participou do evento realizado pela ONG Instituto Cativa, em alusão à vigência e cumprimento da Lei Estadual 11.090/18 que insere o símbolo mundial do autismo nas placas de atendimento preferencial em instituições privadas e públicas.

Na ocasião, Lívio destacou que a referida lei é de extrema importância para garantir uma maior qualidade ao acesso das pessoas autistas e seus acompanhantes aos serviços utilizados por estes.

Os estabelecimentos públicos e privados, fornecedores de serviços e produtos, deverão afixar em local visível placas com o símbolo mundial do autismo, com o objetivo de atendimento prioritário.

MAIS +OAB solicita espaço para instalar Sala da Advocacia na nova Central de Polícia de Cajazeiras

Foi realizado após o evento um mutirão para a divulgação e fixação das novas placas em diversos estabelecimentos privados do comércio da cidade de Cajazeiras.

O não cumprimento desta lei acarretará ao infrator multa de R$ 1.500,00, devendo ser recolhida ao Fundo Estadual de Assistência Social.

DIÁRIO DO SERTÃO

Recomendado para você pelo google

ESPECIAL DE PÁSCOA

VÍDEO: TVDS exibe programa ‘Mensagem de Fé com Frei João Batista’ em especial de Semana Santa

FÉ E DEVOÇÃO

Sexta-feira Santa em Cajazeiras é marcada por várias celebrações religiosas e grande número de fiéis

SAÚDE

VÍDEO: Xeque Mate fala sobre a obesidade e médica endocrinologista tira dúvidas sobre a doença; Veja!

SEMANA SANTA PARA OS EVANGÉLICOS

VÍDEO: Pastor fala sobre significado da Páscoa para os protestantes: “É o sacrifício e a libertação”