header top bar

section content

Câmara de Cajazeiras aprova Requerimento para homenagear policial militar que prendeu assaltante

Moção de Aplausos para o policial Valderez Dias Gouveia Júnior foi aprovada por unanimidade

Por Jocivan Pinheiro

05/10/2018 às 10h03 • atualizado em 22/10/2018 às 15h02

Sessão foi presidida pelo segundo vice-presidente Eudomar Filho (à direita)

A Câmara de Cajazeiras realizou nesta segunda-feira (02), sessão ordinária presidida pelo segundo vice-presidente Eudomar Pereira da Costa Filho (PTC) e secretariada pelo primeiro secretário Álysson Américo de Oliveira (Alysson Voz e Violão – PSB).

A sessão contou com as presenças dos vereadores José Gonçalves de Albuquerque (PTC), Rivelino Martins de Oliveira (PSB), Eriberto de Souza Maciel (PP), Josefa Léa Silva (DEM), Alysson de Souza Lira (Neguim do Mondrian – PSD) e Francisco Jucinério Félix (PPS).

Na ordem do dia foram aprovados, por unanimidade, dois Requerimentos. O primeiro é uma Moção de Aplausos ao policial militar Valderez Dias Gouveia Júnior, que na tarde do dia 27/08/2018 conseguiu capturar dois indivíduos que realizaram um assalto a uma panificadora localizada na Zona Norte da cidade. A autoria do Requerimento é do vereador Neto da Vila Nova.

O segundo Requerimento propôs uma sessão especial em alusão aos 15 anos da Lei Municipal do Idoso. Na ocasião será mostrado os avanços obtidos ao longo dos anos que beneficiaram os idosos da cidade. Autoria do Requerimento foi do vereador Jucinério Félix.

VEJA TAMBÉM:

Por unanimidade, Câmara de Cajazeiras concede título de Cidadão Cajazeirense a professor agrônomo

Recomendado para você pelo google

ATLÉTICO DE CAJAZEIRAS

VÍDEO: Ederson admite que finalizações precisam melhorar e antecipa escalação contra o São Paulo Crystal

GESTÃO DIRETA DO GOVERNO

VÍDEO: Secretário diz que UPA de Princesa Isabel e CER de Sousa funcionarão normalmente após saída da OS

ONDA DE ASSALTOS

VÍDEO: Sindicato mobiliza mototaxistas de Cajazeiras para manifestação pública exigindo mais segurança

SUPERAÇÃO

Em Sousa: empresária fala dos pais e revela como a ISIS se tornou uma das maiores empresas do Brasil