header top bar

section content

Hospital Regional registra mais de 19 mil atendimentos e quase 1.500 cirurgias nos primeiros meses

Esses dados já contabilizam os serviços preados pelo Hospital do Bem que integra o Complexo com atendimentos na área de Oncologia.

Por Luzia de Sousa

08/06/2019 às 08h51

Hospital Regional de Patos registra mais de 19 mil atendimentos

O balanço de atividades do Complexo Hospitalar Regional Deputado Janduhy Carneiro de Patos (CHRDJC) relativo ao período de janeiro a maio deste ano, somente no que diz respeito a prestação de serviços do Hospital Regional, mostra que a unidade realizou um total de 19.178 atendimentos nos primeiros cinco meses de 2019. Somente nos serviços de urgência e emergência foram 15.004 registros, 1.443 cirurgias, 2.680 internações além de mais 4.174 procedimentos ambulatoriais. Esses dados já contabilizam os serviços preados pelo Hospital do Bem que integra o Complexo com atendimentos na área de Oncologia.

Grande polo receptor de pacientes de mais de 60 municípios da região do sertão paraibano e referência para urgências e emergências em casos de pequena e média complexidade o hospital, que integra a rede estadual de saúde, registrou como principais motivos de atendimento nos plantões de urgência e emergência, neste período, quedas, seguido de casos de hipertensão, depois acidentes de trânsito ( a maior parte envolvendo motos), dores abdominais, de cabeça e no peito, além de casos de insuficiência respiratória e contusões diversas.

Hospital Regional de Patos registra mais de 19 mil atendimentos

De acordo com a diretora geral da unidade, Liliane Sena, o relatório de gestão dos primeiros cinco meses deste ano mostra que as causas de atendimento na emergência não se modificaram muito. “Observamos, comparando os resultados com anos anteriores, que as maiores causas de procura pelos nossos serviços não se alteram, sendo as quedas, os acidentes e dores diversas as maiores demandas de nossa porta de entrada”, destaca a diretora. Ela lembra que, atualmente, não há filas para realização de cirurgias e que apesar da unidade dispor somente de seis leitos de UTI, o Hospital tem conseguido realizar os procedimentos sem demora para os pacientes.

DIÁRIO DO SERTÃO

Recomendado para você pelo google

VISTANDO SUA TERRA NATAL

Heron Cid defende centro universitário em Marizópolis e ponto de intersecção entre Sousa e Cajazeiras

BOA NOTÍCIA

Hospital Universitário de Cajazeiras passa a oferecer novos serviços para a população do Alto Sertão

REVOLTA

VÍDEO: ‘Só quem odeia Lula o quer preso, como se ele fosse um bandido perigoso’, diz jornalista

VÍDEO

“Sou liderança forte, mas estou abandonado”, declarou Gobira ao vivo sobre grupo de Carlos Antonio