header top bar

section content

VÍDEO: Advogado alerta para os impactos jurídicos e sociais da retirada da Vara Federal de Patos

De acordo com Corsino Neto, a Vara atende mais de 40 municípios da região, e os cidadãos mais pobres terão dificuldade de acompanhar seus processos

Por Jocivan Pinheiro

20/09/2019 às 16h43 • atualizado em 20/09/2019 às 16h46

A OAB e outras entidades de diversos segmentos da sociedade se juntaram em um manifesto contra a possível transferência da Vara da Justiça Federal da cidade de Patos, no Sertão paraibano, para a cidade de Campina Grande.

De acordo com o advogado Corsino Neto em seu comentário na coluna Direto ao Ponto, a retirada da Vara da Justiça Federal de Patos provoca um grande impacto jurídico e econômico.

Segundo Corsino, a Vara atende mais de 40 municípios da região, o que equivale a mais de 450 mil pessoas. Com sua retirada, os cidadãos mais pobres terão dificuldade de acompanhar seus processos. “Quando o cidadão se distancia do juízo, a situação fica mais difícil”, diz o advogado.

VEJA TAMBÉM

Corsino Neto afirma que com novo Código Tributário de Patos o povo é que ‘vai pagar a conta’

Redação DIÁRIO DO SERTÃO

Recomendado para você pelo google

SESSÃO NA CÂMARA

VÍDEO: Em Cajazeiras, coordenador de Diversidade Religiosa na PB fala sobre diálogo e busca por respeito

ASSASSSINATO

VÍDEO! Delegado fala sobre o crime de homicídio que vitimou professor de karatê em Sousa

SEM POLÍTICAS PÚBLICAS

VÍDEO – Líder lamenta ‘desprezo’ dos governos e ‘extinção’ da cultura dos ciganos na cidade de Sousa

VÍDEO

SERTÃO: Empresário sugere vaquinha para “salvar” feira de negócios após prefeitura negar apoio