header top bar

section content

Prefeito de Bonito de Santa Fé decreta situação de emergência e adota medidas preventivas ao coronavírus

A Prefeitura criou o Comitê Intersetorial de Enfrentamento ao Covid-19, responsável por modificar/alterar as medidas referentes ao enfrentamento da proliferação do vírus

Por Jocivan Pinheiro

19/03/2020 às 18h40 • atualizado em 19/03/2020 às 18h41

Chico Pereira, prefeito de Bonito de Santa Fé

A Prefeitura Municipal de Bonito de Santa Fé decretou, nesta quarta-feira (18), situação de emergência para o enfrentamento da pandemia decorrente do novo coronavírus, considerando que o município localizada-se próximo à fronteira com o estado do Ceará e estudos apontam eficácia na diminuição de casos quando existe medidas de afastamento social.

A Prefeitura criou o Comitê Intersetorial de Enfrentamento ao Covid-19, responsável por modificar/alterar as medidas referentes ao enfrentamento da proliferação do vírus, de acordo com a evolução do cenário epidemiológico.

A norma prevê preferência pelo atendimento por meio de telefone nas repartições públicas municipais, que funcionarão com horário de atendimento presencial reduzido.

Os servidores municipais que se encontram dentro do grupo de risco, ou seja, com idade superior a 60 anos, portadores de doenças crônicas ou autoimunes e grávidas, deverão permanecer em suas residências até ulterior deliberação.

A Secretaria Municipal de Saúde disponibilizará linhas telefônicas exclusivas atendidas por profissionais da saúde para orientar a população de Bonito de Santa Fé.

Na área da saúde, as férias, licenças sem vencimentos e folgas estão suspensas, sendo toda a força de trabalho convocada para atuar nesse momento emergencial.

VEJA TAMBÉM

HRC restringe visitas, suspende cirurgias eletivas e ampliará UTI para combater o coronavírus

Na área da educação, as aulas das redes públicas e privada estão suspensas a partir do dia 19 de março de 2020 até 19 de abril de 2020, podendo esse prazo ser prorrogado ou seu término antecipado a depender da situação epidemiológica.

Na área cultural, ficam suspensos pelo prazo de validade do presente decreto todos os eventos de massa, sejam eles governamentais, políticos, esportivos, culturais, artísticos, comerciais, científicos e quaisquer outros que tenham concentração de público superior a 100 pessoas em espaços abertos ou ainda 50 pessoas em espaço fechado.

Ficam suspensas as feiras livres e atividades em organizações não governamentais a partir do dia 19 de março de 2020 até 19 de abril de 2020.

Também foram suspensas as atividades dos grupos de convivência de programas sociais, e suspensas as atividades com crianças e adolescentes beneficiárias do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos – SCFV da sede do município e do Distrito de Viana.

Foi recomendada a adoção de medidas preventivas para combate à proliferação da epidemia por parte de bares, restaurantes, academias e outras atividades de lazer, evitando a formação de aglomerados de pessoas e contato com superfícies que podem servir como fonte de contaminação.

Órgãos ligados aos setores de comércio, indústria, rede privada de educação e instituições sociais e religiosas devem ser comunicados da decretação das medidas, bem como orientados para que também adotem medidas que justifiquem a prevenção.

O prefeito Chico Pereira destaca que as medidas são necessárias para evitar a disseminação da doença, mas ele reforça que o município está preparado e todas as medidas necessárias já foram estabelecidas: “Estamos agindo antecipadamente a fim de resguardar a saúde de nossa população, portanto tais medidas são necessárias”.

DIÁRIO DO SERTÃO

DIREITO

VÍDEO: Advogado explica se pais e mães podem ser proibidos de visitar os filhos durante a pandemia

AVANÇO DO VÍRUS

VÍDEO: Cajazeiras chega a 59 casos de Covid-19, e secretária de Saúde faz alerta para a Zona Sul

PRECATÓRIOS

VÍDEO: Vereadora culpa atual prefeito por acúmulo de dívidas trabalhistas na Prefeitura de Ipaumirim-CE

PREFEITURA RESPONDEU

VÍDEO: Vereadores denunciam que motorista de Cajazeiras teria salário duas vezes maior que dos colegas

Recomendado pelo Google:
error: Alerta: Conteudo Protegido !!