header top bar

string(13) "diario-sertao"

section content

Após ser agredido e ameaçado, médico pede exoneração da direção de Hospital: “Mal venceu o bem”

O médico revelou que estava sendo perseguido por um “grupinho” inconformado em perder a “máquina pública”. Confira aqui

Por

07/10/2015 às 07h50

Médico sousense pediu exoneração do cargo de diretor do Hospital (foto: Diário do Sertão)

O médico sousense Iclênio Barbosa da Silveira, pediu exoneração da direção geral do Hospital Wenceslau Lopes, em Piancó. Iclênio foi nomeado pelo Governador da Paraíba no dia 18 de maio de 2015 após publicação no Diário Oficial do Estado em substituição a enfermeira Maize de Lourdes Gervásio Gomes Lopes.

Em contato com a reportagem do Portal e TV Online Diário do Sertão, o médico revelou que está há quatro meses na direção do Hospital, mas estava sendo perseguido por um “grupinho” inconformado em perder a “máquina pública”.

“Eles tentaram de todas as formas sórdidas acabar com a minha paz e atingir a minha imagem. Sofri várias denúncias infundadas em vários segmentos de controle, agressão física e verbal, ameaças, calúnias, injúrias e difamações em blogs”. Este jogo o mal venceu, mas espero confiante na justiça Divina”, disse ele.

Iclênio enviou nota de esclarecimento à imprensa revelando os motivos que o levaram a pedir exoneração do cargo de diretor do Hospital Wenceslau Lopes, em Piancó.

Nota de Esclarecimento

Venho por meio desse instrumento de comunicação anunciar a sociedade piancoense e paraibana o meu afastamento do cargo de diretor do Hospital Regional Wenceslau Lopes (HRWL). Nesta última sexta-feira protocolei o meu pedido de exoneração. Inicialmente senti-me lisonjeado por tamanha confiança e aceitei o convite consciente dos reais problemas e dificuldade diários que iria enfrentar. Estava convicto que a minha boa vontade e a sede de mudança seriam suficientes para fazer uma gestão de excelência diante tantas renuncias e obstáculos. Tinha em mente grandes e louváveis planos para o hospital interrompidos por um “grupinho” que inconformado em perder a "máquina pública" tentou de todas as formas sórdidas acabar com a minha paz e atingir a minha imagem.

Foram 04 meses de batalha e trabalho exaustivo! Sofri várias denúncias infundadas em vários segmentos de controle, agressão física e verbal, ameaças, calúnias, injúrias e difamações em blogs, e por fim a que mais lamentei; uma falsa e infeliz denuncia supostamente “forjada” em cadeia estadual (rádio) tentando colocar em jogo o meu profissionalismo, na tentativa de denegrir a minha imagem como médico, atitude inconsequente e sem sucesso, afinal toda a população conhece minha vida profissional ilesa e quase que exclusiva dedicada a sociedade piancoense. Este jogo o mal venceu! Espero confiante na justiça Divina! Destaco e afirmo que é possível fazer uma saúde de qualidade e digna com os recursos do Estado. Realizamos uma política de economicidade e bom uso dos recursos públicos.

Na minha pequena significância reguei alguns grãos, e colhi bons frutos, sinto-me feliz e consciente do dever cumprido, em cada sofrimento amenizado e sorriso arrancado tive a certeza que valeu a pena. Quero agradecer a equipe da Secretária da Saúde do Estado em nome de Dra. Roberta Abath, grande exemplo de competência e bravura, ao nosso excelentíssimo governador Ricardo Coutinho por depositar sua confiança em alguém tão anônimo e sem padrinhos, a todos os funcionários que fazem o HRWL e a toda população do Vale do Piancó, que reconhece nossos avanços e o bom trabalho desempenhado. Foram 04 meses de batalha cruel amenizada por palavras e gestos diários de carinho, gratidão, reconhecimento e encorajamento que serviram de combustível e consolo durante esta árdua missão. Foram também 04 meses de aprendizado, conquistas e amizades de grande valia. Espero ter contribuído na minha breve passagem como diretor para um serviço de saúde mais acessível e mais humanizado.

Estarei sempre de prontidão para servir aos que a mim vierem. Que o nosso bom Deus e os seus bons soldados no tempo cabível possam virar este jogo, afinal, o bem deve prevalecer! Disperso com um pedido o qual fiz nas primeiras reuniões que realizei no hospital; TRABALHEM COM AMOR! e sentirão a mesma felicidade que estou sentindo agora. Ser instrumento para o alcance de uma saúde mais digna não tem preço!

Atenciosamente, o amigo e médico Iclênio Barbosa da Silveira

DIÁRIO DO SERTÃO

Tags:
PLANOS E METAS

VÍDEO: Cantor explica como pretende administrar o Atlético e declara que o problema do clube é político

CAMPEONATO PARAIBANO 2019

VÍDEO: Após vistoria técnica, representantes da CBF elogiam o estádio Perpetão: “É um dos melhores”

A ARTE DO CORPO

VÍDEO: Bailarino que dá aula de dança em Cajazeiras fala da sua trajetória e de projetos para a cidade

MÚSICA AO VIVO

VÍDEO: Sucesso no Nordeste, cantor interpreta grandes bandas nacionais e internacionais no Xeque-Mate